Arkade Mobile: Zenfone 3 de 5.5″

19 de fevereiro de 2017
Autor: Junior Candido

Arkade Mobile: Zenfone 3 de 5.5"

Quando foi anunciado, a Asus apresentou o Zenfone 3 como uma grande evolução de seu conceito, prometendo a seus usuários muitos recursos com preços competitivos. Com tela grande, câmeras com melhores sensores e processador Snapdragon no lugar da Intel, o aparelho surgiu não apenas para superar o seu antecessor, mas para ampliar o conceito de marca que a empresa quer com seus produtos.

Usamos e jogamos com o Zenfone por alguns dias, e a partir de agora, você verá as nossas impressões com o atual smartphone da Asus, que inclusive tem boas notícias para quem gosta de jogar no celular, já fica dado o aviso.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

  • Processador: Qualcomm Snapdragon 625 MSM8953 Cortex-A53 2GHz Octa-Core
  • GPU: Adreno 506
  • Tela: 5.5″, 1080p Full HD (1920 x 1080), 401 ppi, Gorilla Glass 3
  • Memória RAM: 4GB
  • Armazenamento: 64GB (expansível até 128GB via MicroSD)
  • Câmera: 8 MP frontal / 16 MP traseira, que filma em 4K
  • Rede: Dual Sim até 4G
  • S.O.: Android 6.0.1 com Asus ZenUI 3.0
  • Bateria: 3.000 mAh
  • Preço Sugerido: R$1.899,00

DESIGN

 

Arkade Mobile: Zenfone 3 de 5.5"

O Zenfone 3 buscou se apresentar de uma maneira totalmente nova, com a inciativa do “menos é mais”, oferecendo quase nada na sua parte frontal. Temos então, na frente, a tela, os sensores que fazem os comandos do Android a câmera frontal e a luz que notifica. Enquanto os sensores não são iluminados, o que é um problema para seu uso em locais escuros, a luz que avisa o usuário de recados e telefonemas é bem discreta, o que é um ponto bastante interessante, já que estas luzes geralmente são um tanto incômodas.

Atrás, temos o sensor de impressão digital, que é prático e muito rápido para acessar o smartphone, a câmera, com um pequeno relevo que exigirá alguns cuidados de seu proprietário, especialmente os mais desajeitados, e nas bordas, a entrada do carregador, os botões de liga-desliga, volume e a bandeija para os cartões SIM. O novo design tem seus pontos positivos e negativos. Como negativo, podemos mencionar a aparência um tanto frágil que o aparelho apresenta, com a traseira bem escorregadia que exige uma capinha protetora para não sair escorregando por aí (especialmente em alguns tipos de mesa), e os já mencionados sensores sem iluminação não ajudam muito durante a noite. Mas, pelo lado bom, o desenho é bem discreto e elegante, e o aparelho é incrivelmente leve, sendo fácil de deixá-lo no bolso ou em qualquer lugar bem armazenado.

VÍDEO E SOM

Seus 5.5″ de tela em Full HD permitem ver filmes e rodar jogos em alta qualidade, mas a sua virtude não é esta, e sim o seu excelente brilho, que permite utilizar o smartphone sob sol intenso, observando todos os detalhes possíveis. Ao jogar um pouco debaixo de um sol de domingo, não houve problemas em observar os detalhes do jogo em questão, e o mesmo vale para conversas em redes sociais.

As cores também se apresentam muito boas, se apresentando como o melhor aparelho do segmento no quesito tela. A exibição do preto também é muito boa e em qualquer ambiente que esteja, a sensação é a mais agradável possível ao olhar para a telinha do Zenfone 3.

Já na parte sonora, o smartphone não compromete. O som que sai do aparelho é alto e bem definido, mas ao mesmo tempo não oferece nada de novo, o que não é uma crítica, neste caso. Queremos dizer apenas que o aparelho não traz nenhuma novidade, mas ao mesmo tempo é bem competente neste quesito.

CÂMERA

Arkade Mobile: Zenfone 3 de 5.5"

A câmera é boa, mas apenas isso. Temos aqui um excelente e rápido sistema de foco e fotos agradáveis em 16MP, que acaba sendo satisfatória para os usuários, que acabarão transformando-o em sua câmera oficial para viagens e passeios, até pela sua praticidade. Mas não espere uma câmera de extrema qualidade, o que, assim como a questão do som, não é bem uma crítica. O problema é que é possível até configurar bem a câmera com uma infinidade de opções e recursos do software que vem incluso, mas na verdade, as pessoas querem apenas é tirar o aparelho de seus bolsos e tirarem fotos de seus momentos preferidos.

Temos, no Zenfone 3, uma “briga” que atrapalha a câmera para que ela seja melhor: ao mesmo tempo em que a câmera que o equipa é muito interessante, com direito a sensor Sony IMX298, por outro, o software que faz a câmera funcionar ainda é bem limitado, mesmo com inúmeros recursos à disposição. No fim, o software, quando precisa “ajudar” a câmera, acaba na verdade é atrapalhando, pois ainda não conta com força suficiente para resolver problemas como fotos noturnas ou com muita luz. Porém, o software, que com certeza estará nos próximos aparelhos da marca, poderá surpreender no futuro.

O ANDROID

O Android é o 6.0.1, porém, com a modificação da Asus, chamada de ZenUI 3.0. E, novamente, este é o maior problema do Zenfone. Nos dois primeiros aparelhos da marca, já era notável o excesso de aplicativos pré-instalados e muitos efeitos desncessários para o funcionamento do aparelho. E, com a proposta “menos é mais” do design do Zenfone 3, o esperado era que a ZenUI seguisse os mesmos passos, o que não aconteceu.

O que temos é um sistema que exagera em seu design e notificações, algumas delas pouco práticas, inclusive, como a que aparece logo após que um aplicativo é instalado, na parte de baixo do aparelho, pedindo a sua inicialização, ao mesmo tempo que a notificação padrão do Android faz a mesma coisa. Some a isso um visual bem poluído e aplicativos em exagero, a maioria deles que pouca gente irá utilizar (e alguns de “limpeza de Android” um tanto duvidosos) e temos aqui um sistema que, embora tenha um bom desempenho, oferece várias coisas que, infelizmente, são totalmente inúteis e apenas estão ali para poluir o aparelho.

Outro problema é a má posição dos elementos do aparelho, como o botão limpar, que é bem menos prático do que o Android puro, a dificuldade de se fechar todos os aplicativos de uma só vez e, talvez, a mais esquisita de todas, um aplicativo especial para comandar a lanterna, item que é tão simplesmente utilizado em um atalho pequeno, que o próprio aparelho fornece.

Mas, o ZenUI também tem suas coisas boas, como o seu bom desempenho, rodando sempre macio e sem muitos problemas no dia a dia, a sua completa tela de controle de brilho e rede do celular, além de um completo gerenciador de arquivos, que cataloga todos os seus itens, além de explicar bem o tamanho de cada um, ajudando muito para manter o aparelho sempre enxugado de tranqueiras que sempre acumulamos no dia a dia.

DESEMPENHO

O Zenfone 3 chegou querendo mostrar bom desempenho a um preço acessível e aqui ele não faz feio. Temos em mãos um aparelho rápido, que faz bom uso de seu Snapdragon 625, e que faz do dia a dia de seu usuário algo menos estressante, no que diz respeito a travamentos e problemas do gênero, inexistentes aqui. Outra coisa que ajuda e muito por aqui, é a memória de 64GB e seus 4GB de memória RAM, que são relevantes no dia a dia de usuários de Android, pois serão poucos os aparelhos que terão problemas com memória cheia por aqui, garantindo um bom funcionamento.

Isso também reflete na bateria, pois não temos mais Intel nos Zenfones, o que significa um bom dia de uso, sem muitos sustos com a mesma na rua, já que quem teve os Zenfones anteriores sabe o sofrimento que era na questão de bateria. É até possível, dependendo do tipo de usuário, ir trabalhar sem levar carregador ou power banks junto, podendo retornar para casa com um valor considerável de bateria.

Estes valores a mais que o Zenfone oferece, de fato fazem muita diferença no dia a dia, pois aplicativos são gerenciados com mais tranquilidade, a folga do espaço interno ajuda o aparelho a não viver cheio e trazer seus problemas relativos, além de uma bateria que dá tranquilidade para o usuário.

HORA DE JOGAR

Os games no Zenfone 3 cumprem seu papel de rodar com tranquilidade. A “nota” aqui vai do bom para o ótimo, mas sem a excelência de outros aparelhos mais tops de linha. Testamos alguns games no processo, mas o que realmente chamou a atenção foi o Game Genie, que acompanha o smartphone e que oferece recursos práticos e diretos para o gameplay, incluindo o streaming ao vivo para Youtube e Twitch, nativamente.

Real Racing 3

O game de corrida roda de maneira muito leve no Zenfone 3, sem travamentos nem nada do tipo. Os controles também são bem sensíveis e o jogo agrada muito, especialmente na já mencionada ótima tela que o smartphone apresenta. E gravar o vídeo também foi uma atividade bem simples, bastando acionar o recurso que já aparece ao entrar no jogo e dar o comando para gravar.

World of Tanks

O jogo online também rodou sem maiores problemas. E o Zenfone 3 também ajudou muito com a sua tela, no que diz respeito aos muitos comandos que o jogo oferece, podendo acessá-los sem perder o campo de visão nos comates. O Game Genie aqui, fez uma live, com poucos comandos, o que ajuda muito para quem quer mandar seu gameplay ao vivo no Youtube ou Twitch.

Os comandos são tão simples que até assustam. Basta escolher o modo de live, conectar sua conta em uma das duas redes que o aparelho faz o resto sozinho, eliminando todas as barreiras que apenas agora, com a chegada do Youtube Gaming, foram simplificadas para quem quer sair ao vivo na Internet.

CONCLUSÃO

Arkade Mobile: Zenfone 3 de 5.5"

De certa forma, mesmo com suas novas ideias, o Zenfone 3 é sim uma evolução dos seus antecessores, nas questões boas e nas ruins também. Ao mesmo tempo que oferece um hardware robusto, usabilidade decente para o dia a dia e uma câmera de qualidade, também repete o gesto de encher o aparelho de aplicativos, e desta vez, com alguns até bem duvidosos, além de tentar compensar via software, de maneira estranha, algumas limitações que o aparelho tem.

O Zenfone 3 é um ótimo aparelho, que vai agradar especialmente os fãs da marca, que já estão acostumados com o ZenUI e com os recursos e ideias comuns à marca. Os marinheiros de primeira viagem, terão um bom smartphone para o seu dia a dia, mas terá uma breve caminhada de adaptação, o que inclui conhecer o aparelho e tentar desativar ou esconder aquilo que não usa.

2 Respostas para “Arkade Mobile: Zenfone 3 de 5.5″”

  • 21 de fevereiro de 2017 às 04:59 -

    Maurino

  • Amo zefone

  • 21 de fevereiro de 2017 às 06:47 -

    Iris

  • Ainda não tenho mais pretendo comprar no futuro

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *