Já assistimos o filme Cowboys & Aliens. Confira nossa resenha

8 de setembro de 2011
Autor: Rodrigo Pscheidt

cowboys aliens 0071 Já assistimos o filme Cowboys & Aliens. Confira nossa resenha

Cowboys & Aliens é a adaptação de uma HQ homônima assinada pelo quadrinista Scott Mitchell Rosenberg, e reúne grandes nomes como Steven Spielberg como produtor-executivo, Jon Fraveau (diretor dos dois filmes do Homem de Ferro) assinando a direção e um elenco encabeçado por astros como Daniel Craig (o atual James Bond) e Harrison Ford (o eterno Indiana Jones/Han Solo/Deckard). Mesmo com tantas estrelas, o filme não surpreende, mas garante uma boa diversão para quem curte um bom faroeste.

A história de Cowboys & Aliens acompanha Jake Lonergan (Craig), um caubói que acorda no meio do deserto sem se lembrar de nada, com um estranho bracelete ultra-moderno preso ao seu punho.

O tal bracelete na verdade é um aparato alienígena, que pode ajudar os cidadãos da pequena cidade de Absolution à desvendarem os mistérios relacionados ao desaparecimento do ouro da cidade, bem como o sumiço de diversas pessoas. Mas antes de partirem na busca pelos alienígenas, os cidadãos precisam aprender a superar suas diferenças e trabalhar em equipe.

1291844884 cowboysaliens21 Já assistimos o filme Cowboys & Aliens. Confira nossa resenha

Conforme o título do filme escancara, é óbvio que temos alienígenas por trás destes sumiços. Mas os aliens são apenas um detalhe do filme, que se foca mais no lado humano com seu visual tipicamente western, com saloons, chapéus, cavalos, esporas e alguns tiroteios esparsos.

Este lado bangue-bangue do filme é muito legal para quem é fã do gênero. Além da caracterização impecável, ver Harrison Ford interpretando um “Coronel” malvado com sotaque e trejeitos carregados é simplesmente impagável. Elementos como o xerife com a estrela no peito, o saloon com sua porta dupla vai-e-vem, e os caubóis mal encarados brigando no bar completam a rica ambientação do longa.

O problema é que o roteiro de Cowboys & Aliens é bem básico, não surpreende em nenhum momento e ainda deixa coisas importantes sem solução. Diversos clichês podem ser vistos aqui, começando pelo herói desmemoriado, passando pela bela mocinha que esconde algum segredo (interpretada pela estonteante Olivia Wilde),  e terminando com o bandido que teve seu orgulho (e seu corpo) ferido e busca revanche.

1291844884 cowboysaliens41 Já assistimos o filme Cowboys & Aliens. Confira nossa resenha

Confesso que nunca li a HQ para saber se a trama é mais bem amarrada, mas no filme tudo parece meio vago. Por exemplo: por quê diabos os aliens estão roubando ouro e abduzindo as pessoas? Ok, aliens abduzem pessoas no cinema desde sempre, mas e o ouro? O que os leva a fazer isso não fica claro em nenhum momento (temos apenas explicações genéricas tipo “o ouro também é precioso no mundo deles”), o que deixa a impressão de que eles só estão fazendo estas coisas por pura fanfarronice.

Esta falta de uma motivação específica para os invasores deixa as coisas um tanto genéricas. Sem que um propósito decente nos seja mostrado, fica a sensação de que poderíamos facilmente substituir os aliens por índios, bandidos ou qualquer outra coisa típica de um faroeste: eles poderiam fazer a mesma coisa (não da mesma maneira, claro) apenas pela maldade implícita.

Cowboys & Aliens não é o tipo de adaptação de quadrinhos que estamos acostumados a ver, com muitas explosões e efeitos mirabolantes. Claro que as explosões e os efeitos mirabolantes estão lá, mas em escala bem menor do que o habitual. Mesmo assim quando a ação acontece, ela é de primeira, com ótimos efeitos.

1291844884 cowboysaliens31 Já assistimos o filme Cowboys & Aliens. Confira nossa resenha

Talvez por saber a força de seu elenco, o diretor Jon Favreau mantém o foco nos personagens, nos seus problemas e motivações. O dono do saloon que é infeliz com sua vida, os desentendimentos de Coronel Dolarhyde com seu filho inconsequente, o jovem Apache que vê no Coronel o pai que nunca teve… mesmo os coadjuvantes ganham algum destaque no decorrer da trama.

Sobram referências a diversos clássicos tanto da ficção científica quanto dos westerns, tanto nas situações quanto no visual. É impossível ver as ofuscantes luzes azuis dos OVNIS e não lembrar do clássico (que não por coincidência, foi dirigido por Spielberg) Contatos Imediatos de Terceiro Grau.

Com um desfecho meio enrolado, o filme força um pouco a barra com a redenção de alguns personagens: bandidos abraçam mocinhos, que brindam com apaches,dívidas são perdoadas e crimes esquecidos… Ok, eles se uniram por um bem comum, mas ei, estamos no velho oeste, não em um final de novela do Manoel Carlos!

Cowboys e Aliens 17 11 2010 041 Já assistimos o filme Cowboys & Aliens. Confira nossa resenha

Em resumo, Cowboys & Aliens é um bom faroeste, mas não necessariamente uma boa ficção científica. Talvez se os ETs mineradores ganhassem mais destaque, ou simplesmente fossem deixados de lado para dar lugar a algo mais western (como bandidos humanos, de lenço na cara e barba malfeita), o resultado fosse melhor. Do jeito que está, os aliens estão deslocados no contexto do filme, e sua única utilidade é ser a explicação para o bracelete de Lonergan.

Se você sempre quis ver Harrison Ford no papel de vilão mal caráter, esta pode ser uma grande oportunidade. Mas se o que você quer é um bom filme de aliens, sugiro que (re)veja alguns clássicos do gênero – muitos dos quais também são assinados por Spielberg – que você vai aproveitar melhor o seu tempo.

http://youtu.be/Jm38NoGGrJA#t=00m07s

Cowboys & Aliens estreia em todo o Brasil nesta sexta-feira, dia 9 de setembro.

Nota: 7,0

16 Respostas para “Já assistimos o filme Cowboys & Aliens. Confira nossa resenha”

  • 4 de março de 2012 às 21:18 -

    KING OF KINGS

  • cara o filme é bom principalmente pra quem estilo faroeste

    • 10 de março de 2012 às 17:56 -

      KING OF KINGS

    • tbm achei q deixam os crimes de lado mas ninguem pode morrer aqui

  • 8 de setembro de 2011 às 20:29 -

    KING OF KINGS

  • olha meio que achei bizarro desde o lançamento no superboll mas agora ta ate compensando ver

    • 26 de outubro de 2011 às 13:05 -

      KING OF KINGS

    • olha o ares comendo solto aiii kkkk

  • 8 de setembro de 2011 às 11:13 -

    leandro(leon belmont) alves

  • um inglês(Daniel Craig é inglês né?) interpretando um cowboy numa cidade chamada Absolution infestada de Aliens???

    o filme deve ser nonsense, mas deve sair para uma sessão da tarde logo,logo! vou assistir….quando sair em DVD :/

  • 8 de setembro de 2011 às 10:16 -

    Renan

  • Eu quero ver o filme, eu acho que não ter muitas explicações sobre o porque de uma invasão Alien é até mais próximo do que seria numa “realidade”, pois quem tá invadindo não quer dar explicações, e sim fazer o que veio fazer, além do que Aliens não saberiam se comunicar com humanos, exceto se forem Aliens de Hollywood que sabem até dirigir carros kkkkkkkkkkk

    • 8 de setembro de 2011 às 23:25 -

      zecarlos

    • certos filmes nao precisam de explicacoes…por mais que pareca confuso e tal…tipo eu nao vi o filme ainda,mas talvez o lance pode nao ser a historia,ou efeitos,mas o foco seja na verdade a diversao…como um bom sessao da tarde saca
      tipo ,eu nao acho que a falta de explicacoes seja o um problema pra certos filmes,a falta delas so sera percebida se o resto do filme nao convencer na verdade

      • 10 de setembro de 2011 às 01:56 -

        JAGUARHX

      • Exato…e no caso deste filmes,que não assisti ainda e não sei quando irei,acho que a intenção era dizer que:da mesma forma que os europeus invadiram na marra o continente americano usando de tecnologia avançada pros outros povos,outros povos e civilizações foram invadidos ou invadiram.Destruindo lares,cultura,seres vivos e,muitas vezes,por motivos simples,burros e futeis…como ouro,petroleo,mulheres(sim,mulher é muito bom,mas matar um povo por conta das mulheres é coisa de bárbaro realmente),provar quem tem a religião melhor,pedaços de terra,etc…Como o espaço é a fronteira final e os planetas se tornaram os novos continentes pra anexar ou nos anexar,podemos ser invadidos sem explicação ou motivo convinvente por ”gente de fora”.

      • 12 de setembro de 2011 às 21:56 -

        zecarlos

      • exato

    • 8 de setembro de 2011 às 15:33 -

      Joao

    • Concordo renan..

      • 9 de setembro de 2011 às 00:32 -

        Renan

      • Se comunicar acho que até se comunicariam, mas estariam mais interessados em nos matar do que em conversar. Acho que seria tipo Guerra dos Mundos, lá descobriram a razão da invasão por observação, não houveram explicações muito profundas

      • 8 de setembro de 2011 às 20:19 -

        Lipeses

      • Se comunicar com humanos *

      • 8 de setembro de 2011 às 20:16 -

        Lipeses

      • Eu acredito que se aliens conseguissem chegar até o nosso planeta eles teriam tecnologia o bastante para saber como se comunicar nem que fosse a base de tecla sap, mas também acredito que eles não chegariam dando explicações e sim com 2 pés no peito.
        Axei muito forçado e sem graça :/.

  • 8 de setembro de 2011 às 12:27 -

    AizomeChaos

  • Eu acho ent

    • 8 de setembro de 2011 às 12:35 -

      AizomeChaos

    • *Eu acho então que só irei ver o filme pelo Harrison Ford

  • 8 de setembro de 2011 às 10:09 -

    Diana

  • Também não conheço a HQ, mas fiquei com vontade de assistir ao filme, ainda mais sendo com Harrison Ford e tendo a participação do Steven Spielberg na produção. De qualquer forma, acho que vale a pena, pois se formos pensar sobre invasores/conquistadores de modo geral, eles sempre têm uma característica “alien”, chegam sem pedir licença e fazem o que bem entendem, mesmo que seja para catar umas pedras – imagino a Lua habitada e o pessoal chegando lá para dar um passeio científico… Heheheh

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Olá, Visitante!

Faça login ou cadastre-se