BGS 2015: conversamos com Quinn Del Hoyo sobre o multiplayer de Halo 5 e seu foco nos eSports

10 de outubro de 2015
Autor: Henrique Gonçalves

BGS 2015: conversamos com Quinn Del Hoyo sobre o multiplayer de Halo 5 e seu foco nos eSports

Quinn Del Hoyo é “o cara” no que diz respeito ao modo multiplayer de Halo 5: Guardians. Batemos um papo com ele durante a BGS, onde ele nos contou um pouco mais sobre o novo modo Arena e sobre a nova vertente baseada no eSports.

Halo 5 vem aí e promete ir além das frenéticas partidas multiplayer de sempre: o jogo terá uma pegada competitiva muito forte, pois a Microsoft planeja emplacar o game no movimentado cenário dos eSports. Para falar mais sobre isso, ninguém melhor que Quinn Del Hoyo, Designer do Multiplayer de Halo 5: Guardians.

Confira nosso papo com ele abaixo:

Arkade: Multiplayer sempre foi algo grande na franquia e em Halo 5 nós vemos um grande foco nos eSports, com comentaristas e novos modos de jogo. Com isso em mente, como esse lado do eSports irá funcionar em Halo 5?

Hoyo: Nós temos uma experiência distinta, que foi construída do começo ao fim dedicada para o eSports. É chamada Arena, onde dois times com quatro jogadores cada disputam em mapas menores, sem veículos e coisas do tipo.

Nós descobrimos que este modo atrai pessoas que são muito boas nos jogos competitivos, mas também vimos que o modo atrai jogadores que gostam deste tipo de jogo onde todos começam da mesma forma, com as mesmas armas, habilidades e níveis. E a forma que você pega outras armas é encontrando no mapa. Isso é um componente chave para o modo Arena porque todos começam da mesma forma e o que diferencia é a habilidade e o conhecimento de cada jogador.

BGS 2015: conversamos com Quinn Del Hoyo sobre o multiplayer de Halo 5 e seu foco nos eSports

Arkade: Existem outros modos com este mesmo foco ou é somente o Arena?

Hoyo: O Arena tem múltiplos modos dentro dele: o Slayer é quase um Team Deathmatch onde temos dois times que conseguem pontos por cada morte de um membro do time inimigo. O Capture the Flag, que foi melhorado para Halo 5 e possui novas funcionalidades, mas ainda é bastante similar ao que é encontrado nos jogos passados.

Também temos o Breakout que é modo competitivo totalmente novo, onde cada jogador tem somente uma vida e todos começam em plataformas; nessas plataformas tem canhões que atiram para o local onde os jogadores estão lutando um contra o outro. Então você precisa eliminar o time inimigo nestes cinco rounds, o que é ótimo para quem está assistindo por causa dos momentos especiais em que o público vai a loucura.

Arkade: E outros jogos do cenário competitivo, como Counter-Strike: Global Offensive, vocês veem estes jogos como concorrentes ou Halo 5: Guardians é algo mais a margem dos outros?

Hoyo: Não é bem uma competição, nós gostamos que estes jogos tenham um público fiel pelo mundo inteiro porque assim nós temos a oportunidade de trazer Halo para toda essa gente, e torná-lo ainda maior e melhor. Nós queremos avançar o eSports em geral, estes jogos já fazem um ótimo trabalho, mas o nosso também é único e diferente porque Halo tem um rico legado.

BGS 2015: conversamos com Quinn Del Hoyo sobre o multiplayer de Halo 5 e seu foco nos eSports

Arkade: Como será esse crescimento do cenário competitivo em Halo. 5: Guardians?

Hoyo: Halo 5: Guardians representa o maior jogo da série no quesito multiplayer, e tudo que estamos falando é somente sobre o Arena. Nós também temos o Warzone, que possui modos épicos de jogador Vs jogador, jogador Vs IA, modos com times de 12 jogadores e mapas que são quatro vezes maiores que qualquer outro mapa de jogos anteriores. Os jogadores também podem capturar estações, conseguir novas armas e veículos, além de outros modos em que os jogadores encontram dúzias de grandes inimigos que são encontrados no singleplayer.

Ficou empolgado? Então fique ligado, pois Halo 5: Guardians chega já no final do mês, mais precisamente no dia 27 de outubro. O game é exclusivo do Xbox One, e chegará 100% em português por aqui.

Continue acompanhando a Arkade para mais conteúdo exclusivo da BGS 2015. ;)

Uma resposta para “BGS 2015: conversamos com Quinn Del Hoyo sobre o multiplayer de Halo 5 e seu foco nos eSports”

  • 10 de outubro de 2015 às 18:01 -

    Podegoso Shumy

  • Promete ser bonito o game, mas vou penar para comprar um Xone

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *