Fã está produzindo adventure point and click inspirado em Mass Effect

19 de agosto de 2012
Autor: Rodrigo Pscheidt

shepherd51 Fã está produzindo adventure point and click inspirado em Mass Effect

Embora o final tenha deixado muita gente insatisfeita, é fato que Mass Effect é um grande RPG. Já pensou se pudéssemos revisitar aquele universo na forma de um adventure point and click? Em breve poderemos: vem aí Finding Shepard, promissor game indie que está sendo produzido por uma fã da série!

A premissa de Finding Shepard é muito bacana: a história se passa após o final de Mass Effect 3, e coloca o jogador no controle da personagem Jack.

Após os acontecimentos do game ela está presa, mas anda tendo alguns pesadelos bizarros, que lhe dão pistas do que deve fazer: se infiltrar na Citadel para saber qual o paradeiro do Comandante Shepard.

Sem revelar maiores detalhes sobre a trama, Nightfable (apelido da criadora do game) já liberou as primeiras imagens do seu projeto.

O visual está muito bacana, misturando elementos de Mass Effect com o típico ar retrô dos adventures point and click, confira na galeria abaixo:

[nggallery id=111]

Bacana, não? Vamos torcer para que Nightfable consiga honrar a série (e o gênero adventure) com um ótimo game!

Finding Shepard ainda está em estágio inicial de desenvolvimento, e não tem data para ser lançado.

Para se manter informado sobre a produção do game, fique de olho no fórum Adventure Game Studio.

(Via: Indie Games)

12 Respostas para “Fã está produzindo adventure point and click inspirado em Mass Effect”

  • 19 de agosto de 2012 às 16:13 -

    Ruan Sampaio Leal

  • Que fera… Curti horrores. Muito inspirador.

    • 20 de agosto de 2012 às 14:23 -

      KING OF KINGS

    • tbm gostei pena q nao tem data

  • 19 de agosto de 2012 às 13:35 -

    leandro(leon belmont) alves

  • eu achei a ideia bacana, mas será que essa geração regada a Shooter e Zumbis vai ir jogar um game point and click? e de um game que outrora foi a coisa mais revolucionária do que o pão enlatado, transformar o seu final numa batida de trem que mesmo o game Mass Effect 3 custando apenas 60,00 Reais na minha cidade e ninguém quer comprar nas lojas?

    veremos então, isso se a empresa do Comandante Sheperd resolver estragar o projeto. assim como a Sega anda fazendo com poucos caras que conseguem fazer um excelente game do que um milhão de funcionários.

    • 19 de agosto de 2012 às 14:23 -

      DanielWarfare

    • Só nos resta esperar…e torcer para que de certo!!!

  • 19 de agosto de 2012 às 13:35 -

    Henrique

  • Poxa, só um point and click? A história dá pra fazer mais um jogo da série

    • 20 de agosto de 2012 às 14:24 -

      KING OF KINGS

    • tem que ver as coisas direito pra não fazer outra cagada

  • 19 de agosto de 2012 às 14:28 -

    Renan do Prado

  • Parece que vai ser legal!!!!

  • 19 de agosto de 2012 às 16:12 -

    Allan

  • Vamos ver.

  • 19 de agosto de 2012 às 18:57 -

    Bahia

  • Fiquei interessado pela proposta do jogo. Agora é só esperar que a EA (e nem a Bioware) não proíbam o jogo.

  • 20 de agosto de 2012 às 23:37 -

    benedito

  • po cara, gostaria de saber se quem critica tanto Mass Effect 3 chegou pelo menos a jogar o jogo…

    • 23 de agosto de 2012 às 15:18 -

      leandro(leon belmont) alves

    • olha, eu não joguei o game. mas vi o seu final, e é meio…meh. isso aconteceu com FFXIII com a famosa frase: ah, o game é linear:

      esse era o unico defeito que mostravam em todos os lugares, e apenas por isso, os ditos fãs boicotaram o FFXIII, enquanto Mass Effect era mais revolucionário que pão de forma.

      o Final Fantasy, pode até ser linear, pelo que dizem. mas chegar ao seu final compensa. já o game em questão, teve dois games espetaculares para o game final que deveria encerrar de maneira magistral, foi aquilo….

      • 23 de agosto de 2012 às 22:46 -

        benedito

      • já viu o Extended Cut do jogo ? É uma DLC grátis que melhorou demais o final, sem contar que o jogo em si é tão espetacular quanto os outros e me arrisco dizer que é melhor, e mesmo que o Extended Cut não tivesse sido lançado eu me arrisco a dizer que o que importa é a jornada e não o destino… e a jornada de Mass Effect é a mais impressionante que eu já na história dos video games.

Deixar um comentário (ver regras)

Olá, Visitante!

Faça login ou cadastre-se