Sobreviva a uma aterrorizante noite de Natal no sinistro Tattletail

4 de janeiro de 2017
Autor: Joao Bonorino

Sobreviva a uma aterrorizante noite de Natal no sinistro Tattletail

Lembra do Furby? Aquele bichinho peludo estranho que toda criança dos anos 90 queria ganhar de Natal? E se aquele simpático (ou nem tanto) brinquedo tivesse algo muito sinistro por trás? Essa é a história de Tattletail, game de terror em primeira pessoa que busca inspiração nessa mania dos anos 90 para trazer uma experiência aterrorizante.

O jogo leva você a uma longínqua noite de Natal de 1998, onde você controla uma criança que tudo que mais deseja é abrir seus presentes antes de qualquer outra coisa. O problema é que além dos Tattletails existe um brinquedo esquecido, algo que não é vendido nas lojas comuns e que esconde um segredo um tanto quanto perturbador, a Tattletail Mãe.

Sobreviva a uma aterrorizante noite de Natal no sinistro Tattletail

A dinâmica do game é simples e assustadora: uma vez que a ansiedade faça você abrir a embalagem de um Tattletail, o brinquedo se descontrola e começa a exigir que o jogador realize tarefas enquanto faz muito barulho para chamar atenção da Mãe.

Para sobreviver, você deve obedecer às mais bizarras vontades do bichinho(escová-lo, recarregar suas baterias) para não ser encontrado e morto pelo sinistro brinquedo dos olhos luminosos vermelhos que é a Mãe dos demais. Tudo isso cria uma atmosfera assustadora, um tanto quanto infantil e perturbadora, naquele estilo Slender.

Sobreviva a uma aterrorizante noite de Natal no sinistro Tattletail

Veja o trailer do game (e tenha medo de Furbys):

Conceito interessante, hein? O game é um lançamento de uma desenvolvedora iniciante chamada Waygetter Electronics, o que é um tanto quanto estranho, pois no game essa é a empresa que fabrica os famigerados bichinhos peludos.

Tattletail já encontra-se disponível para PCs via Steam.

(Via PC Gamer)

Uma resposta para “Sobreviva a uma aterrorizante noite de Natal no sinistro Tattletail”

  • 18 de janeiro de 2017 às 18:21 -

    rodrigo

  • como joga

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *