The Crown Stones: Mirrah é um MetroidVania brasileiro com influências de Dark Souls e muito potencial!

26 de setembro de 2017
Autor: Rodrigo Pscheidt

The Crown Stones: Mirrah é um MetroidVania brasileiro com influências de Dark Souls e muito potencial!

O estúdio paulista Frater Studio está desenvolvendo um MetroidVania retrô fortemente inspirado por Blackthorne, Warlock e até mesmo Dark Souls! Experimentamos The Crown Stones: Mirrah e gostamos muito do que vimos!

Ambientado em um submundo sombrio dominado por monstros e criaturas do pós-vida chamado Umbral, The Crown Stones: Mirrah nos coloca na pele de Rivail, sujeito que foi parar ali sem saber exatamente como ou por quê.

The Crown Stones: Mirrah é um MetroidVania brasileiro com influências de Dark Souls e muito potencial!

Ele quer dar um jeito de sair dali, mas logo é abordado por um sujeito misterioso chamado Del Debbio, que lhe diz que ele não está ali por acaso, e há uma missão para ser cumprida. Claro que, para cumpri-la, você terá que sobreviver aos monstros e perigos que habitam este limbo sinistro.

Ainda que seja essencialmente um MetroidVania 2D, The Crown Stones: Mirrah apropria-se de elementos modernos de gameplay para oferecer uma experiência atualizada com a qual os jogadores de hoje possam se identificar: há botões de esquiva e rolamento, e uma barra de stamina que deve ser utilizada com muita cautela. Elementos que os fãs de Dark Souls sem dúvida reconhecem, assim como a atmosfera carregada… e a dificuldade, claro.

The Crown Stones: Mirrah é um MetroidVania brasileiro com influências de Dark Souls e muito potencial!

Pois é, como em outros jogos de antigamente, não espere que sua jornada pelo Umbral seja um passeio no parque: The Crown Stones: Mirrah é um jogo bem difícil, com inimigos que batem forte e armadilhas mortais. Ah, e esse é um daqueles jogos que você pode morrer se cair de uma altura muito alta, então tome cuidado com isso também.

Os camaradas do Frater Studio nos mandaram uma cópia para teste da versão pré-alpha do game. Embora ainda seja uma versão preliminar, ficou bem claro que o game já está bem resolvido visualmente, bem polido… e bem difícil!

The Crown Stones: Mirrah é um MetroidVania brasileiro com influências de Dark Souls e muito potencial!

No vídeo abaixo, consegui durar pouco mais de 8 minutos explorando o Umbral, mas acabei morrendo do jeito mais estúpido possível, em uma queda acidental que era mais alta do que a gente esperava. De qualquer modo, é um bocadinho de gameplay para você conferir:

Eu joguei essa demo uma dúzia de vezes, e em quase todas elas morri por conta de uma queda acidental porque o personagem não se segurou. Confesso que é um pouco frustrante, mas né, é a dificuldade old school de games como Prince of Persia, entre outros, então o lance é ter calma e perseverança.

Como a gente sabe, produzir games não é algo barato, e é justamente por isso que os caras do criaram uma campanha de crowdfunding no Catarse, para que a comunidade possa ajudar na conclusão do game, que inicialmente está sendo desenvolvido para PC, mas pode chegar aos consoles no futuro. Até agora, eles arrecadaram pouco mais de 10% do valor almejado, mas ainda temos 22 dias de campanha pela frente!

The Crown Stones: Mirrah é um MetroidVania brasileiro com influências de Dark Souls e muito potencial!

Vale ressaltar que o que jogamos foi uma versão pré-alpha, de um jogo que está em estágio inicial de desenvolvimento. A versão final do game deve contar com muitos outros recursos, e alguns deles estão descritos na campanha de arrecadação do game:

  • Utilização de karma como moeda de troca no jogo.
  • Evolução baseado nos 7 chakras. Cada chakra ativado liberará novas habilidades.
  • Grande variedade de armas e itens para serem utilizados.
  • Locais e personagens secretos.
  • Conteúdos implícitos e explícitos além de vários mistérios a desvendar.
  • Terror progressivo. O jogo se torna mais obscuro com o passar dos leveis.

A Arkade está sempre disposta a auxiliar o crescimento da indústria nacional de games, e este é mais um projeto que testamos, aprovamos, e queremos muito que seja viabilizado. Se você simpatizou com o game, considere participar da campanha do Catarse. Como de praxe, apoiadores ganham alguns mimos e perks, desde conteúdos digitais — wallpapers e trilha sonora — até camisetas e itens reais inspirados no game (dependendo do tamanho da sua contribuição, claro)!

Agradecemos o pessoal do Frater Studio por nos disponibilizar uma cópia do game, e desejamos todo o sucesso do mundo nesta empreitada!

4 Respostas para “The Crown Stones: Mirrah é um MetroidVania brasileiro com influências de Dark Souls e muito potencial!”

  • 26 de setembro de 2017 às 16:18 -

    Allan

  • ASDhusahdusa Mel Dels, eu conheço este del debbio.

  • 26 de setembro de 2017 às 16:19 -

    Allan

  • Até parece legal.

  • 27 de setembro de 2017 às 12:04 -

    Onigumo

  • Poxa que bacana! Esta ficando muito bom, lembra muito dark flame, agora redaçao da arkade pode entrar em contato com os desenvolvedores nao? Catarse? Ja vio algum projeto que preste naquele lugar? Nao e atoa que eles nao concluem nada, tem que sair desse site, mudar pro kickstarter, blasphemous ainda esse ano arrecadou 7x mais do que pedio, esses caras ja tem 9 dias e so tem 11% da meta, nao pelo projeto com certeza, mas eles tem que se promover melhor, Catarse complica…

    • 27 de setembro de 2017 às 17:57 -

      Fabiano Silva

    • Sou Fabiano silva um dos diretores do jogo, para nós que somos independentes ser conhecido é nossa grande barreira a ser vencida. Não podemos tentar kickstarter por precisar de endereço nos EUA. Mas estamos trabalhando muito e buscando parceiros para fazer o jogo dar certo. Só precisamos de um força inicial!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *