Activison-Blizzard compra (e fecha) a Major League Gaming, mais antiga empresa de e-Sports dos EUA

5 de janeiro de 2016
Autor: Michel Lichand

Activison-Blizzard compra (e fecha) a Major League Gaming, mais antiga empresa de e-Sports dos EUA

Activision-Blizzard anunciou a compra e fechamento da mais antiga empresa de e-sports dos Estados Unidos, a Major League Gaming. Mas o que essa transação significa para o futuro dos gamers profissionais?

Para muitos de nós leigos e não-fãs de e-Sports, o nome Major League Gaming era nada mais do que uma piadinha colocada em montagens simulando aqueles vídeos de killstreaks que se espalharam pelo Youtube. Mas para os fãs, o nome representava uma das empresas mais antigas do ramo e uma das maiores defensoras dos e-Sports no mundo. Uma empresa que agora está fechando as suas portas.

Graças a documentos encontrados pelo site Esports Observer, foi revelado que a Activision-Blizzard vai comprar grande parte da Major League Gaming e efetivamente fechar a empresa por meio de sua absorção, em uma compra que custou 46 milhões de dólares. O interessante é que essa não é a primeira vez que a desenvolvedora de Starcraft meteu a mão no bolo: no ano passado, ela abriu uma divisão de e-Sports, chefiada por ex-executivos da ESPN e da própria Major League Gaming.

Activison-Blizzard compra (e fecha) a Major League Gaming, mais antiga empresa de e-Sports dos EUA

O que essa compra significa para o futuro da Major League Gaming, ninguém sabe. A empresa têm dois campeonatos marcados para os próximos meses (um de Counter Strike Global Offensive e outro de Halo), sem contar que ela é dona do site mlg.tv, o maior centro online de vídeos e streaming focados em e-Sports.

Qual o motivo da compra? Bom, não há “um motivo” oficial, mas devemos lembrar que a empresa estava passando por problemas econômicos, após perder o campeonato mundial de Call of Duty para a rival Eletronic Sports League, e fechou o ano com um débito de seis milhões de dólares.

A parte mais importante desta notícia é o fato de que a Activision-Blizzard está (supostamente) querendo se tornar uma força no mercado de e-Sports, deixando de ser só uma desenvolvedora/distribuidora de games para virar a ESPN dos e-Sports, segundo o seu presidente Sundance DiGiovanni. “Vai ser uma Major League Gaming com esteroides,” ele disse em uma entrevista

Major League Gaming realizava campeonatos de games diversos como Super Smash Bros. Mortal Kombat, e essa compra vai dar muito poder a Activision-Blizzard, que certamente dará um jeito de apadrinhar estes e tantos outros torneios.

Independente do que vai rolar, 2016 mal começou mas certamente será um ano decisivo para os e-Sports.

(Fonte: Polygon)

Uma resposta para “Activison-Blizzard compra (e fecha) a Major League Gaming, mais antiga empresa de e-Sports dos EUA”

  • 5 de janeiro de 2016 às 17:44 -

    Ian

  • Activision vai cagar a MLG igual eles cagaram com qualquer outra coisa que eles compram

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *