Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

8 de agosto de 2018
Autor: Rodrigo Pscheidt

Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

O Master Chef mais caótico do mundo dos games está de volta! Overcooked 2 acabou de sair do forno, e trazemos um review quentinho para você!

A invasão dos Unbreads

Depois que saciamos a fome do Monstro de Espaguete Voador do primeiro jogo, parecia que tudo estaria em paz no mundo de Overcooked… só que não: ao experimentar uma nova receita, nosso amigo Onion King acaba acordando uma legião de Unbreads (um sagaz trocadilho com undeads), pães de forma zumbis!

Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

Os famintos Unbreads

Para saciar a fome destes mortos-vivos, nosso amigo rei resolve recrutar novamente um time de cozinheiros, que irão sair em uma nova turnê culinária, aprendendo diversas receitas diferentes, em cozinhas absurdamente caóticas.

As novidades

União é a palavra-chave aqui: Overcooked 2 se torna impraticável sozinho, de modo que a melhor maneira de aproveitá-lo é em multiplayer. O “coop de sofá” continua presente — tão divertido quanto antes –, mas agora o game também traz multiplayer online, possibilitando que jogadores de todos os cantos do mundo se reúnam.

Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

Ainda que o online esteja funcionando de maneira bastante decente, jogar com desconhecidos pode se tornar meio frustrante simplesmente porque é inevitável que surjam tr00ls. Ontem mesmo tinha um desgraçado aloprando algumas das minhas partidas, jogando ingredientes fora, ficando no caminho dos outros players, deixando as coisas pegarem fogo… enfim, só perturbando.

Confira uma de minhas partidas de multiplayer online abaixo:

É ótimo termos a opção de multiplayer online, mas obviamente Overcooked 2 brilha mesmo é na jogatina local. É simplesmente delicioso reunir os amigos para jogar, dividir tarefas, e se xingar enquanto o tempo passa e os pratos não saem. Vale ressaltar que a campanha só aceita jogatina local: no online temos outros modos de jogo (Arcade e Versus).

O cerne do gameplay permanece essencialmente o mesmo, porém, há espaço para boas novidades: agora os jogadores podem arremessar ingredientes uns para os outros, o que pode otimizar as coisas… ou deixar tudo ainda mais caótico! O layout das cozinhas — que muitas vezes muda no decorrer da fase — torna tudo muito imprevisível, exigindo que o time saiba improvisar e se adaptar.

Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

As possibilidades culinárias também estão muito mais elaboradas: ainda há pratos básicos tipo sanduíches e saladas, mas agora também temos sushis, bolos, burritos, pizzas, e muito mais. Com as novas receitas, chegam novos utensílios e ingredientes: chocolates, ovos, batedeiras, etc.

Obviamente, cada receita possui seu próprio modo de preparo, e delegar tarefas é essencial para garantir as melhores gorjetas, afinal, não basta preparar o prato, é necessário entregar, lavar pratos, apagar focos de incêndio, e por aí vai!

Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

Há outras novidades no game, como esteiras rolantes e até portais que alteram a mobilidade dos chefs — aliás, há diversos chefs novos! –, um world map muito mais dinâmico, mas de resto, o que temos aqui será imediatamente familiar para quem jogou o Overcooked 2, aquele tipo de jogo fácil de pegar e jogar, mesmo para quem não é “gamer hardcore”.

Audiovisual

Como “em time que está ganhando não se mexe”, aqui também não há grandes novidades: Overcooked 2 mantém a visão isométrica e o visual cartunesco, com personagens fofinhos e variados. O design de cada cozinha mostra muita criatividade, especialmente se considerarmos como o layout muda durante as partidas, com elementos móveis que rendem surpresas e momentos de desespero: há cozinhas em rios, pântanos, castelos, navios, geleiras, e muito, muito mais!

Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

A trilha sonora também segue a mesma pegada, um instrumental suave que é quase calmo demais perante o caos que se desenrola na tela. O jogo infelizmente não recebeu localização para o nosso idioma, mas como a história não é o foco aqui, um conhecimento básico de inglês já é mais do que suficiente.

Acho válido ressaltar também que o modo online do jogo está bastante estável, o que é essencial para entregar uma boa experiência de gameplay. Como nem todo mundo dispõe de um headset (ou fala o mesmo idioma), foi introduzido um sistema de gestos que permite um mínimo de comunicação entre os jogadores.

Conclusão

Mantendo as comparações gastronômicas, Overcooked 2 é tipo o seu prato favorito: é tão bom, que você sempre quer um pouquinho mais. A essência do jogo é a mesma, mas ele continua deliciosamente divertido e frenético, perfeito para reunir os amigos para uma tarde de diversão (e stress).

Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer

Se você curtiu o primeiro jogo, pode vir sem medo para o segundo: é a mesma receita, mas com novos ingredientes que tornam a experiência ainda mais saborosa!

Overcooked 2 foi lançado em 7 de agosto, com versões para PC, Playstation 4, Xbox One e Nintendo Switch.

Uma resposta para “Análise Arkade: Overcooked 2 segue a receita do caos e da diversão multiplayer”

  • 31 de outubro de 2018 às 03:50 -

    Gabriel Martins dos Santos

  • Ainda bem q o multiplayer local neste jogo ainda está presente, na minha opinião é uma das coisas mais maneiras neste jogo. Eu concordo q o jogo pode ter um multiplayer online para jogar com amigos e parentes q estão longe, mas na moral não tem necessidade de tirar o multiplayer local também, ainda mais q hoje em dia está sendo díficil achar jogos q tenham uma boa experiência 4 multiplayer local, está faltando jogos assim, e o overcooked é um exemplo perfeito de q o velho multiplayer de sofá ainda não morreu!!!!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *