Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

5 de dezembro de 2019
Autor: Renan do Prado
Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Sniper Ghost Warrior Contracts, o novo capítulo da série de atiradores de elite chegou mudando sua fórmula e estrutura, mas ainda querendo dar ao jogador a sensação de ser um verdadeiro sniper, misturando tecnologia de ponta e realismo.

E é hora de conferirmos como o game acabou se saindo em seu novo estilo, deixando o mundo aberto de lado em prol de seu novo sistema de Contratos, que colocam em teste suas habilidades na mira!

Uma nova aventura focada no gameplay

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Sniper Ghost Warrior 3, lançado em 2017, era um game com mapas gigantescos ao estilo sandbox, como Far Cry. No game, o jogador deveria se deslocar até diferentes partes do mapa para cumprir missões que avançavam a história, que era bem cinematográfica, cheia de diálogos e cutscenes.

Já em Sniper Ghost Warrior Contracts tudo isso foi deixado de lado. O que temos aqui são cinco enormes mapas diferentes, cada com um cinco contratos para serem cumpridos, com a história servindo apenas de pano de fundo para explicar cada contrato.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

No game, a Sibéria se separou da Rússia e se tornou um novo país. Porém o nascimento dessa nova nação não ajudou em nada o seu povo, na verdade, piorou tudo. Diretos civis revogados, muita violência nas ruas e uma constante guerra nas fronteiras do novo país contra a Russia, China e Estados Unidos.

O novo país é governado por Nergui Kurchatov, antigo governador da região que conquistou a independência do novo país. Porém, assim que assumiu o poder ele instalou um novo programa nuclear perigosíssimo, fortalecendo seu poderio militar com soldados e até armamento militar e biológico, tudo enquanto o povo sofria.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Nesse cenário, um homem misterioso que se autodenomina Operador contratou um assassino profissional para dar fim a todas as figuras importantes que dão suporte ao governo da Sibéria, além de roubar dados e documentos que provam suas ações ilegais. E esse é o personagem que controlamos no game, uma figura misteriosa cujo codinome é somente Caçador. E a única exigência do Operador para essa missão era que o Caçador utilizasse uma máscara de alta tecnologia que lhe confere diversas vantagens.

O sistema de contratos

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Como já dito, a grande diferença de Contracts para seu antecessor é o sistema de contratos que dá nome ao game. Funciona assim, existem cinco mapas diferentes na campanha, todos enormes e cheios de bases inimigas. Cada um desses mapas possuem vários contratos diferentes para serem cumpridos.

Na prática, os contratos são apenas os objetivos de cada mapa. No primeiro mapa, por exemplo, os contratos são: Assassinar um cientista que fabrica armas biológicas, sabotar seus experimentos e roubar os dados de suas pesquisas e mais alguns outros.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts
Tela de conclusão de um mapa, mostrando todos os seus contratos, desafios e etc.

Os contratos de uma região são interligados entre si, certos mapas com contratos de roubar dados, por exemplo, podem revelar a localização do alvo a ser assassinado no local ou detalhes de onde ele se esconde, se há forte segurança, caminhos escondidos e etc.

O jogador pode cumprir os contratos na ordem que quiser e a cada contrato concluído o jogador pode ir até pontos de extração espalhados pelo mapa para fazer o upload de seu progresso, podendo até mesmo sair da missão e cumprir os outros contratos em outra hora.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts
Assassinatos, roubo de dados, destruição de alvos, existem diferentes tipos de contratos.

Então na prática, Sniper Ghost Warrior Contracts é um game com cinco mapas com diferentes objetivos em cada um. O que não necessariamente é algo ruim e dependendo da forma que o jogador jogar, o game poderá durar bastante ou ser finalizado em modo “speedrun”.

O game oferece alguns incentivos para deixar as coisas mais desafiadores e adicionar um pouco de fator replay ao game com colecionáveis, desafios e recompensas. Cada mapa possui itens colecionáveis escondidos que premiam o jogador com fichas de informação.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Desafios impões condições específicas para cada contrato, como matar um alvo em menos de 5 minutos, não ser detectado, matar tantos inimigos com explosões e etc. Cumprir desafios rende fichas de desafio.

E por fim há as recompensas, em cada mapa há dois alvos opcionais para o jogador matar. O jogador deve matá-los e vasculhar seus corpos em busca de itens que eles carregam. Porém cada um desses alvos está fortemente protegido, adicionando bastante desafio ao jogador, pois nem sempre é possível matá-los sem atrair atenção.

Essas fichas são usadas para comprar armas, equipamentos e upgrades para seu personagem, junto é claro de dinheiro ganho ao cumprir contratos e roubados de inimigos mortos.

Gameplay e evolução de personagem

Confira aí uma amostra de gameplay, de um trecho para matar um alvo com a cabeça à prêmio.

Sniper Ghost Warrior Contracts é um FPS mais focado em estratégias do que tiroteio desenfreado, o que é óbvio. Você pode se quiser sair correndo de peito aberto dando tiro em tudo e todos, mas se fizer isso precisará ser bem cuidadoso, pois você morrerá com poucos tiros.

Sendo um game sobre snipers, paciência e planejamento são essenciais. A geografia dos mapas oferece muitos pontos estratégicos para o jogador atacar áreas inimigas. O mais recomendado é achar um bom ponto de sniping, usar seus binóculos para marcar inimigos e rastrear a área e ir atacando inimigos de forma eficaz, sem chamar atenção.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

O game oferece muitas armas, gadgets e upgrades para o jogador cumprir suas missões, com uma grande variedade de rifles de precisão, fuzis de assalto e pistola, além de granadas, facas de arremesso, minas terrestres, armadilhas de gás e até mesmo um drone que pode voar pelo mapa marcando inimigos além de poder ser melhorado com habilidades de hackear aparelhos eletrônicos, distrair inimigos e etc. Além de uma torreta automática que pode matar inimigos marcados pelo jogador.

Todas as armas podem ser customizadas, com pinturas diferentes, pentes estendidos, diferentes tipos de mira, silenciadores ou bicos de cano para melhor estabilidade e etc. Além disso, cada rifle de precisão tem suas próprias vantagens e desvantagens, com rifles muito poderosos, mas que não aceitam silenciadores, rifles que aceitam várias munições diferentes, além de rifles com diferentes alcances.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

As munições fazem toda a diferença dependendo dos objetivos que o jogador quiser cumprir, com munições capazes de atravessar paredes e veículos, balas explosivas, balas que produzem sons e atraem inimigos e até mesmo uma bala especial que ignora gravidade e vento, as balas DARPA.

E há ainda os upgrades de habilidades, como melhorar sua máscara, facilitando a marcação e rastreio de inimigos, melhorar seu gadgets para serem ainda mais úteis e até comprar habilidades que aumentam sua estamina, eficiência ao matar inimigos com uma faca e etc. Ah, e uma coisa importante, Você precisa escolher seu equipamento antes de entrar numa missão, pois não poderá trocar seu arsenal durante o gameplay (exceto se roubar armas de inimigos ou de arsenais).

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Ainda é possível acabar com inimigos usando as próprias mãos, o que é algo necessário, já que muitas missões envolvem invadir bases inimigas. Ainda é possível interrogar inimigos antes de matá-los, conseguindo a localização de outros inimigos e itens. E se o jogador interrogar inimigos de alta patente como comandantes podem extrair informações relevantes sobre o contrato. É possível ainda interrogar os próprios alvos a serem assassinados, com alguns revelando informações interessantes sobre o que acontece nas sombras da Sibéria e envolvendo o próprio Operador.

Um ponto alto do game é seu realismo, pois todos os seus tiros são afetados por gravidade e vento. Graças a máscara que o Caçador usa, é possível ver uma linha que indica a trajetória da bala através da mira dos rifles. O jogador precisa ajustar o zoom e o ângulo da mira para poder ter mais precisão de tiro. Inicialmente é bem confuso entender como essa linha funciona, mas uma vez entendida, fica tudo bem fácil e muito divertido acertar um headshot a centenas de metros de distância.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts
Ver seu tiro viajando pelo ar e acertando na mosca é muito divertido.

Infelizmente o game conta com alguns probleminhas bem chatos. Principalmente em relação a cenários, pois rola muito do personagem ficar preso em elementos aleatórios, como polígonos no chão, pedras, galhos e etc. Isso, em momento em que o jogador está rodeado de inimigos e tenta ser silencioso pode atrapalhar muito e fazer com que você seja visto facilmente.

Outro problema é que muitas vezes o posicionamento de inimigos fica bagunçado quando você recarrega um checkpoint ao morrer ou manualmente. Existem inimigos com posicionamento aleatórios, como snipers rivais, que podem aparecer em lugares diferentes dentro de uma área. Mas muitas vezes em minhas partidas, ao recarregar um checkpoint, algum inimigo desaparece, para então reaparecer em um local diferente, se encaminhando para seu local original, além de as vezes objetivos mudarem de local, mas isso só aconteceu comigo uma única vez, em que um notebook que eu precisava invadir mudou de lugar.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Mas fora isso, é um game divertido e desafiador. Eu joguei todas as missões no nível mais alto, que promete inimigos mais atenciosos, com melhores visões e audição, mas na prática não senti muita diferença. É verdade que os inimigos podem enxergar de longe, mas não há um salto muito grande de dificuldade, exceto é claro se o jogador não tiver paciência para planejar seus ataques, pois bastam poucos tiros para você morrer na dificuldade mais alta.

Audiovisual

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

O game conta com um visual bem bonito, principalmente no design das armas e cenários. Por se passar na Sibéria, o game possui dois biomas predominantes: Florestas e montanhas nevadas. Não há muita variedade nesse sentido, mas ainda assim os cenários do game são bonitos. Há porém alguns trechos em que o visual não é muito bem feito, principalmente quando vistos de perto, mas no geral o game é muito belo.

Os inimigos do game possuem um visual um tanto repetitivo. Obviamente os uniformes são iguais, mas todos possuem o mesmo rosto, apenas com algumas variações de capacetes, balaclavas, viseiras e etc dependendo de seus tipos, se são soldados comuns, pesados, snipers e etc.

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts
Esse inimigo foi atingido por uma bala pesada, que literalmente explodiu sua cabeça.

Sem dúvida a coisa mais legal do game são as kill cams. Não há raio-X como em Sniper Elite, mas para esse game o pessoal da CI Games adicionou uma boa dose de gore, com cabeças explodindo, membros despedaçados e uma poderosa física de tiros. Fazer um headshot bem estiloso, vendo a bala viajando lentamente no ar até atingir seu alvo é bem satisfatório.

Algumas Kill Cams mostram todo o processo: Desde o gatilho sendo puxado, até a bala atingindo seu ponto final.

No departamento sonoro o game manda muito bem nos sons de tiros e sons ambientes. Cada arma faz um som diferente, desde seus tiros até seus sons de recarregamento. O game possui uma boa trilha sonora, que aparece em momentos pontuais, como quando o jogador é descoberto com quando está em áreas importantes, por conta disso não se ouve músicas o tempo todo, e muitas vezes em meio a ação você pode nem mesmo perceber que elas estão tocando.

Conclusão

Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts

Sniper Ghost Warrior Contracts mudou o estilo tradicional da série de um game de “mundo aberto” com várias missões e enredo cinematográfico para um game menor, mas mantendo seu gameplay e deixando a história em segundo plano, com seu foco principal na ação.

Foi uma jogada arriscada, mas que se saiu muito bem, pois o game é divertido, oferecendo bastante desafio nas missões para o jogador cumprir. Talvez algo que enriqueceria ainda mais a experiência seria contratos um pouco mais variados, envolvendo múltiplas etapas, mas sem se estender de forma exagerada.

Ainda assim, esse é um ótimo game para quem curte uma ação mais tranquila e estratégica, em que se o jogador fizer tudo direito, não terá muita dor de cabeça. E sem precisar necessariamente encarnar o Solid Snake em modo stealth, podendo abater inimigos de longe, um por um.

Sniper Ghost Warrior Contracts foi lançado no dia 22 de novembro com versões para PC, Playstation 4 e Xbox One.

Uma resposta para “Análise Arkade: os assassinatos estratégicos de Sniper Ghost Warrior Contracts”

  • 5 de dezembro de 2019 às 22:35 -

    Helinux

  • Show de bola!!!! Jogo bem feito e bem trabalhado em termos de jogabilidade e evolução. Algo nesse game me lembra os bons tempos de Metal Gear Solid!!!! valeu pela a analise!!!!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *