Análise Arkade: Kirby’s Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo

13 de março de 2023
Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo

Embora o excesso de remakes e remasters tenha frustrado um pouco os jogadores de uns tempos para cá, é fato que essa prática pode ser benéfica, especialmente quando nos permite experimentar algo que deixamos passar originalmente. É o caso deste Kirby’s Return to Dream Land, jogo que foi lançado originalmente para o Wii há mais de uma década.

Neste início de ano, esta aventura da simpática bolota comilona da Nintendo foi relançada no Nintendo Switch, em uma versão Deluxe. E, como alguém que não teve um Wii (nem um Wii U), este acabou sendo meu primeiro contato com o game.

Kirby em português!

A primeira impressão que o game causa é muito positiva por um “detalhe” que a Nintendo costuma “esquecer”: Kirby’s Return to Dream Land Deluxe chega 100% localizado em português brasileiro!

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo

Engraçado como a Big N não localiza alguns de seus principais lançamentos — caso de Zelda Tears of the Kingdom, que chega em maio –, mas se deu ao trabalho de localizar este relançamento. Vai entender.

A trama do game nos apresenta a uma situação atípica: em um belo dia, uma enorme espaçonave cai no planeta Pop — lar de Kirby e seus amigos — e acaba avariada. Não tarda para o único tripulante, Magolor, pedir a ajuda do protagonista e sua turma para recuperar algumas partes da nave.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo

E essa é a nossa missão principal em Kirby’s Return to Dream Land Deluxe: encontrar pedaços da “Astrovela” espalhados pelo mapa, a fim de garantir que nosso novo amigo Magolor consiga voltar para casa.

Não é assim uma grande história que justifique as legendas em português, mas é claro que há uma razão para isso: Kirby’s Return to Dream Land Deluxe traz muito conteúdo cooperativo para até 4 jogadores, o que faz dele um excelente “jogo familia”, para pais e filhos curtirem juntos.

O velho Kirby de sempre…

Embora eu não tenha jogado o título original lá em 2011, estou relativamente familiarizado com os jogos do Kirby. E aqui temos um produto que entrega o que se espera de um jogo do mascote.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo
Uma típica screenshot de um jogo do Kirby

Temos aqui uma deliciosa aventura de plataforma 2.5D onde vamos coletar estrelas e “engolir” inimigos para conseguir seus poderes e habilidades. Tudo seguindo a cartilha do personagem, que iniciou sua carreira lá no início dos anos 1990, no saudoso Game Boy.

As fases possuem passagens secretas e caminhos que nos concedem engrenagens. Tais engrenagens abrem conteúdos extras na nave de Magolor: dezenas de fases e desafios extras que vão fazer os complecionistas suarem a camisa. E também temos, claro, confrontos com cehfes ao final de cada mundo temático.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo

Depois de ter jogado o excelente Kirby and the Forgotten Land no ano passado, que era 3D e cheio de novidades, ouso dizer que este “novo” jogo parece menos arrojado e inovador. Mas, claro, esta não é uma percepção justa, uma vez que ele marca um capítulo anterior na jornada do personagem, e é um título de 2 gerações atrás.

Mas com espaço para novidades

No geral, a campanha principal de Kirby’s Return to Dream Land Deluxe entrega uma jornada simpática e divertida, com tudo o que é esperado de um jogo do personagem. O fato de poder ser jogada cooperativamente em até 4 pessoas — e podermos controlar até mesmo o Rei Dedede — torna tudo ainda mais divertido.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo
Kirby pode até evocar um enorme dragão de fogo!

Além de entregar o básico bem feito, há espaço para novidades: neste relançamento, Kirby tem acesso a novos poderes, e certas habilidades foram remixadas em novas transformações, a fim de tornar a jogabilidade mais dinâmica.

Há muito mais, porém: no pós-game, foi incluída uma nova campanha inédita, onde controlamos o novo amigo de Kirby, Magolor. Este conteúdo também pode ser desfrutado em modo cooperativo, e o gameplay levemente diferente de Magolor sem dúvida é um convite para a experimentação.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo
No epílogo, é possível jogar com Magolor.

A cereja do bolo, porém, chega na forma do Parque Magolândia. Temos aqui um parque temático que é uma verdadeira celebração à história do Kirby, reunindo diversos mini-games que marcaram a trajetória do personagem ao longo das gerações.

Jogos como Kirby Samurai, Na Mira do Kirby e Papa Ovo chegam totalmente repaginados, aumentando o fator replay do jogo e agregando um bem-vindo gostinho de party game ao título — visto que todos podem ser jogados por 4 players simultâneos. Há até espaço para um pseudo-battle royale, com 100 jogadores se enfrentando pelo topo das leaderboards globais.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo
Bem-vindo ao Parque Magolândia!

Também no Parque Magolândia podemos customizar a aparência dos heróis com dezenas de máscaras colecionáveis, bem como participar de uma busca por carimbos que concedem bônus para os modos principais de jogo.

Tudo isso é entregue com a mistura de capricho e fofura que a gente já conhece, em um departamento audiovisual que esbanja carisma. O visual foi todo refeito e está mais lindo e fofinho do que nunca. Já na parte sonora, o título chega repleto de músicas animadas e efeitos sonoros clássicos.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo
Kirby Samurai – um clássico atualizado

E, o fato do jogo estar 100% em PT-BR rende ótimas sacadas na localização, com destaque para termos como “Carimbusca” e “Caibuleiro” que combinam perfeitamente com a vibe do jogo.

Conclusão

Embora não seja realmente um jogo novo, Kirby’s Return to Dream Land Deluxe tem novidades de sobra para justificar este relançamento. O novo conteúdo pós-game e todas as atrações do Parque Magolândia são ótimas novidades, que trazem frescor e um sabor de nostalgia a um jogo que parece, antes de mais nada, uma grande celebração à trajetória do Kirby.

Análise Arkade: Kirby's Return to Dream Land Deluxe, um remake com mais conteúdo

Quem jogou o título original no Wii (ou no Wii U) vai gostar de saber que há bastante conteúdo extra para explorar. E, se você, como eu, não havia jogado o Kirby’s Return to Dream Land original, vai encontrar aqui um pacote completo, recheado de diversão para toda a família.

Kirby’s Return to Dream Land Deluxe não é só mais uma remasterização preguiçosa. É uma edição definitiva de um ótimo jogo, que os fãs do Kirby não vão querer perder!

Kirby’s Return to Dream Land Deluxe está disponível exclusivamente para Nintendo Switch. O game possui menus e legendas em português brasileiro.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *