Arkade Comics: Como quadrinhos independentes se tornaram destaque da Comic Con Experience.

14 de dezembro de 2014
Autor: yasmim_barreto

Arkade Comics: Como quadrinhos independentes se tornaram destaque da Comic Con Experience.

A Comic Con Experience aconteceu semana passada e entre muita coisa bacana que rolou nos grandes palcos, também tivemos vários destaques com os quadrinhos independentes. Vamos ver o que de melhor rolou ali?

Semana passada São Paulo recebeu a Comic Con Experience e estive lá pela Arkade e pela Comic Bits participando da programação. E pra mim, o maior destaque do evento, por incrível que pareça, não foi a estreia exclusiva de Hobbit e de Big Hero, não foram os anúncios da Warner e tão pouco a simpatia do Jason Momoa (vide Khal Drogo e Aquaman). Muita coisa boa veio de um lugar onde as cadeiras estavam dispostas de forma simples lado a lado e prints de ilustrações familiares (ou não), enfeitavam as mesas e transportavam magia para aquele espaço. O local conhecido por Artists´Alley, era o ponto de encontro para mais de 200 artistas famosos ou iniciantes, que encantavam o público mostrando seus trabalhos com quadrinhos, em sua maioria independentes.

De forma impressionante, aquela área chamou tanto a atenção do público, que filas enormes se formavam, seja para pegar uma assinatura com o Vitor Cafaggi (de Valente e Duo.tone), quanto para bater um papo com os incríveis irmãos Moon e Bá (Daytripper), ou ainda conhecer o trabalho dos engraçadíssimos Paulo Crumbim e Cristina Eiko (Quadrinhos A2). Alguns artistas do local já contam com apoio das editoras, mas em sua grande maioria, muitos deles estavam procurando um espaço para publicar seus trabalhos de forma independente, como Denis Mello (Beladona) que apresentou seus incríveis trabalhos, entre outros.

Arkade Comics: Como quadrinhos independentes se tornaram destaque da Comic Con Experience.

Isso nos faz pensar sobre como os quadrinhos independentes estão avançando em espaço no Brasil. Muitos dos novos títulos que estão nas prateleiras atualmente, tiveram seu início na internet. A jornada dos novos autores, em grande parte dos casos, tem seu pontapé no meio digital, com suas obras publicadas em sites, blogs, Facebook e vários outros meios e redes, conquistando leitores e os vendo se transformar em um público cativo, para aí sim conseguirem chegar ao impresso com uma boa base instalada, de leitores e respeito.

Arkade Comics: Como quadrinhos independentes se tornaram destaque da Comic Con Experience.

E Voltando para a CCXP e o Artists´Alley, podemos ver que a iniciativa conseguiu trazer para o evento um visão nova e direcionada para esse mercado nacional, em uma programação aonde o holofote estava de maneira óbvia (e merecida) focada nas grandes atrações dos palcos principais. Mas o respeito pelos artistas demonstrado ali naquele espaço sem sombra de dúvidas ajudou vários artistas a divulgarem seus trabalhos, e espero que ano que vem possamos ver mais artistas e mais outras obras.

Você foi para a CCXP? Visitou a Artists´Alley? E o que achou do espaço? A Comic Con Experience deste ano já é passado mas entre várias coisas que já falamos internet afora, te convido a conversar aqui sobre as novidades independentes de qualidade que rolaram em São Paulo.

 

 

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *