BGS 2013: Ministério da Justiça adota o IARC para agilizar classificação etária dos games

25 de outubro de 2013
Autor: Junior Candido

BGS 2013: Ministério da Justiça adota o IARC para agilizar classificação etária dos games

O Ministério da Justiça apareceu no BGS 2013 para falar de novidades sobre a classificação indicativa em jogos digitais. Segundo o órgão, o processo para escolher a faixa etária dos games ficará (muito) mais rápido com o IARC.

O IARC (International Age Rating Coalition ou “Coalisão Internacional de Classificação Etária”) é um sistema que converte o padrão de classificação indicativa de várias regiões baseado no primeiro local onde o game foi registrado, agilizando o processo que um game precisa passar na hora de definir a sua classificação etária. Com ele, o procedimento que leva atualmente cerca de 30 dias atuais passa a ser feito em apenas 5 minutos.

E o processo não facilita a vida apenas das grandes produtoras: pequenos desenvolvedores também terão acesso ao sistema, podendo submeter rapidamente seus projetos para serem validados segundo os padrões etários internacionais.

BGS 2013: Ministério da Justiça adota o IARC para agilizar classificação etária dos games

O sistema consiste em um formulário no qual perguntas sobre o game são feitas: se o game não for violento, perguntas sobre violência serão ignoradas; as perguntas são produzidas de acordo com suas respostas anteriores. Confirmado o questionário, sua classificação tanto no Brasil quanto na ERSB (a organização que regulamenta a faixa etária nos EUA) já estará disponível, incluindo a descrição do conteúdo.

O IARC também pode reclassificar o game caso denúncias de respostas erradas ou equivocadas ocorrerem. Devido a estes fatores, o sistema é dedicado apenas aos games digitais. Games em mídia vão continuar recebendo a classificação de maneira tradicional.

O Ministério da Justiça afirma que o sistema já está disponível e continua cumprindo a obrigatoriedade de se classificar os games, uma exigência que o Brasil segue, assim como a maioria dos países. O problema da demora encontra uma solução que tem tudo para melhorar – e muito – a classificação indicativa dos games digitais.

(Via: Equipe Arkade)

6 Respostas para “BGS 2013: Ministério da Justiça adota o IARC para agilizar classificação etária dos games”

  • 25 de outubro de 2013 às 11:25 -

    Renan do Prado

  • Muito bom saber disso!!!

  • 25 de outubro de 2013 às 11:39 -

    Arthur

  • O que?! Agilidade? Eficiência? Uma boa decisão tomada pelo ministério da justiça?!! Nos realmente estamos falando do Brasil?

  • 25 de outubro de 2013 às 11:54 -

    Rafael

  • Na boa, a classificação que me importa mesmo é a games como jogos de azar. Essa aí o governo não agiliza pra mudar.

    • 25 de outubro de 2013 às 12:21 -

      Renan do Prado

    • Realmente…

    • 25 de outubro de 2013 às 12:48 -

      Chinalia

    • Concordo Rafael

    • 25 de outubro de 2013 às 21:11 -

      Babiro

    • É verdade, e até achei bacana essa decisão mas eles tem que tomar um atitude quando à classificação indicativa dos games em mídia e quanto a serem classificados como jogos de azar também, ai sim terão dado um grande passo!!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *