CBLoL – INTZ e Flamengo se encaminham para a Grande Final!

2 de setembro de 2019
Autor: Gabriel Goedert
CBLoL – INTZ e Flamengo se encaminham para a Grande Final!

A Fase Regular se encerrou e o mata-mata começou! Saiba tudo o que ocorreu nas últimas semanas do CBLoL clicando aqui. FLA, UP, INTZ e KBM disputaram as Semifinais neste último final de semana, e somente dois saíram vitoriosos.

Fique por dentro do que ocorreu em Summoner’s Rift durante a Semifinal:

Jogos de Sábado

CBLoL – INTZ e Flamengo se encaminham para a Grande Final!

Jogo 1 – Vitória do Flamengo

As duas equipes mostraram novas estratégias para mostrar nas semifinais. Os Rubro-Negros trouxeram a fortíssima rota inferior com Caitlyn e Morgana. E os Cangurus trouxeram Sylas nas mãos de Anyyy e Gragas com LeChase. A proposta da composição da Uppercut era interessante, pois Alternative (Xayah) e Damage (Rakan) já mostraram – em outros confrontos – o poder que possuem na bot lane e nas teamfights com a sua sinergia. Mas Luci (Morgana) estava afiado com a sua Ligação das Trevas e brTT (Caitlyn) abusou da força de controle de grupo do suporte para aplicar todo o dano possível na sequência, os dois destruíram o early game.

Anyyy mereceu muito destaque nesta partida. O meio da UP fez um trabalho excelente nas rotas laterais e brilhou nas lutas, amenizando a desvantagem de sua equipe no decorrer do confronto. Aos 23 minutos, após conseguir um pickoff em LeChase, o Flamengo se encaminhou para o seu primeiro Barão Nashor da partida; o bônus foi conquistado de maneira muito arriscada, mas foi decisivo para aumentar o domínio dos Urubus. Após capitalizar muito do ouro conquistado em grandes itens, brTT e companhia estavam imparáveis, e bastou eliminar isoladamente LeChase e Anyyy em uma última teamfight, para eles encerrarem a partida aos 31 minutos.

Jogo 2 – Vitória do Flamengo

A partida começou muito boa para a Uppercut. Durante o early game, Fitz (Rumble) pressionou Robo (Gangplank) no topo e Anyyy (Qiyana), com a ajuda de LeChase (Sylas), não deixou Goku (Syndra) jogar na sua rota. O Meio da UP mostrou o seu valor novamente e estava conseguindo rodar o mapa para dar mais vantagens a seus companheiros. O que eles não contaram, foi com o retorno agressivo de Goku à partida; Shrimp (Jarvan IV) fez questão de auxiliar o seu midlaner a retomar as suas forças.

No mid game, os Cangurus estagnaram o seu ritmo ofensivo e tentaram fazer trocas de objetivos pelo mapa contra a equipe adversária. Não demorou muito para eles se virem sendo ultrapassados na vantagem de ouro global. Aos poucos, os Urubus se reergueram e mostraram estar aptos a conquistar mais uma vitória na Série. Durante as lutas, Goku foi certeiro em seus controles de grupo e Shrimp foi brilhante nas suas iniciações, permitindo que brTT e Robo somassem com muito dano. Mais uma vez, os Rubro-Negros criaram forças acima do esperado, e finalizaram a partida em pouco mais de meia hora.

Jogo 3 – Vitória do Flamengo

A história se repetiu. O Flamengo começou melhor e conquistou pequenas vantagens no início, as quais ficaram, em maioria, nas mãos de Shrimp (Olaf). A partida foi repleta de conflitos entre as equipes, a tensão de partida decisiva era clara. Alternative (Varus) se manteve apagado novamente nesta partida; o atirador da Uppercut não fez uma boa Série de Semifinal. Anyyy (Vladimir) e Fitz (Renekton) demonstraram bom desempenho, mas a equipe dos Cangurus não conseguiu segurar o poderio Rubro-Negro. Após conquistar o buff do Barão Nashor, aos 24 minutos, o FLA consolidou a sua vantagem. Bastou uma última luta – com iniciação desesperada da UP –, aos 30 minutos, para garantir mais uma vitória e a vaga na Final do CBLoL aos Urubus.

Jogos de Domingo

CBLoL – INTZ e Flamengo se encaminham para a Grande Final!

Jogo 1 – Vitória da KaBuM!

O perfil das composições ditava um early game prioritário aos Ninjas. Os Intrépidos sabiam de tal força e se prepararam para segurar os seus adversários enquanto iam se fortalecendo. A partida teve o ritmo setado pela presença de Ranger (Elise) e Shini (Sejuani), e conflitos, em sua maioria, na parte do topo. A sinergia de Camille – nas mãos de Tay – e Sejuani foi muito favorável aos Intrépidos, permitindo que Tay ficasse muito forte. DudsTheBoy (Varus) e Ceos (Braum) não precisaram da presença de seu caçador para se saírem melhor em sua rota; ambos conseguiram pegar vantagem contra a dupla da rota inferior da INTZ e dominaram o mapa com ela. A força no Topo dos Intrépidos não foi suficiente para segurar a partida. A KaBuM soube melhor escolher as suas lutas e coletaram melhor a partir disto. A chamada de Barão Nashor realizada pelos Ninjas, aos 24 minutos, foi muito arriscada, mas foi o que definiu a sua dominância na partida. A partir da vantagem conquistada, eles eliminaram Tay e Envy em um pickoff, destruíram a base da INTZ e abriram o placar da Série.

Jogo 2 – Vitória da INTZ

Se é possível nomear somente um destaque nesta partida, o nome dele com certeza é Shini. Mesmo com a grande presença do caçador da INTZ nesta partida, não há como diminuir a participação de seus companheiros. Shini (Hecarim) foi a engrenagem de sua equipe e garantiu que o domínio dos Intrépidos iniciasse desde os primeiros minutos de partida. Os Ninjas demoraram a sucumbir, principalmente por causa das brechas que os seus adversários abriram em iniciações afobadas. Os erros foram poucos por parte dos Intrépidos; eles tinham presença global com os dois feitiços de Teleporte nas mãos de Tay (Aartrox) e micaO (Caitlyn), pressionaram Ranger (Karthus) em sua selva e apagaram a chama que os Ninjas haviam alumiado em sua primeira vitória.

Jogo 3 – Vitória da INTZ

É incrível como a INTZ cresce em playoff. Nesta partida, a equipe veio melhor ainda do que na passada, é visto claramente a evolução desde o primeiro confronto. No draft, a KaBuM apostou na zona de segurança de Wizer com seu Aartrox, e em um poder de scaling nas mãos de dyNquedo (Azir). A INTZ trouxe novamente Tristana com Envy, e um pick diferente nas mãos de Tay, um Rumble.

Shini (Jarvan IV) teve um papel importante novamente, sendo a engrenagem da equipe. Mas desta vez, os destaques ficaram com os solo laners Intrépidos. Os Ninjas esperavam um Azir muito forte no late game ao seu favor, mas quem cresceu foi Envy. O Meio da INTZ brilhou com suas jogadas explosivas e foi responsável por boa parte do dano da equipe nas lutas. Com muita força conquistada no early game, aos 23 minutos, os Intrépidos arriscaram um Barão Nashor. A conquista do bônus foi tão rápida, que a KaBuM mal teve como agir. Com o Nashor, ficou muito mais tranquilo de eles avançarem as waves de minions e destruírem a base adversária. Aos 27 minutos, eles forçaram a sua última luta – que parecia muito desfavorável –, e Envy garantiu flanco para aplicar todo o seu dano e acabar com seus adversários. Este último embate bastou para finalizar a partida e garantir o GG.

Jogo 4 – Vitória da INTZ

A evolução continuou, e a recompensa foi merecida. A KaBuM apostou novamente em peças fortes no late game, enquanto os Intrépidos repartiram suas escolhas em picos de poder no começo e fim de jogo. Tudo começou melhor para micaO (Lucian) e RedBert (Yummi). Juntos, com sua força estrondosa, conseguiram conquistar uma vantagem avassaladora em cima de Duds (Xayah) e Ceos (Volibear) na fase de rotas. A partir de tanto poder advindo de seus itens, micaO brilhou do início ao fim. No momento em que Tay (Shen) estava conseguindo segurar tranquilamente a pressão nas rotas laterais de dyNquedo (Ekko) e Wizer (Aartrox), a KaBuM se viu perdida diante das movimentações de seus adversários. Ceos, quem demonstrou um excelente desempenho durante todo o split, ficou muito apagado nesta partida com a escolha de Volibear. Aos 19 minutos, os Ninjas sentiram que precisavam forçar uma luta para tentar virar a vantagem ao seu favor, e tentaram isto no rio; a luta, que começou desfavorável para os Intrépidos, foi muito bem jogada por Shini e micaO, onde o primeiro conseguiu segurar 4 jogadores com seu cronômetro e o segundo lidou com o flanco de Wizer, não sossegando até dizimar os outros Ninjas para conquistar o Dragão Infernal. No momento em que a luta acabou, o confronto já estava definido. A INTZ precisaria errar muito para perder toda a vantagem conquistada. Eles controlaram o jogo perfeitamente e saíram vitoriosos nesta Semifinal.

A Final vem aí!

CBLoL – INTZ e Flamengo se encaminham para a Grande Final!
Final do CBLoL irá acontecer no dia 7 de Setembro, no Rio de Janeiro.

O CBLoL volta no próximo sábado (07/09) às 13h, diretamente do Rio de Janeiro, com a Final do campeonato. Confira o próximo confronto:

Final – Sábado (07/09)

12h – Flamengo eSports x INTZ e-Sports Club

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *