CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

22 de abril de 2020
Autor: Gabriel Cardoso
CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Esta última semana não foi nada boa para os torcedores da paiN. Os Tradicionais caíram totalmente de desempenho e sua performance mostrou-se muito semelhante às das primeiras semanas do CBLoL. A INTZ, por outro lado, veio muito entrosada e conquistou as suas vitórias. A Vivo Keyd trouxe uma sincronia mais consolidada e mantém-se isolada no topo da tabela. A Redemption venceu, mas teve a infelicidade de, a partir de sua pontuação, já estar rebaixada do campeonato.

Veja o que aconteceu de melhor nas últimas rodadas na elite do League of Legends brasileiro:

Jogos de Sexta-feira

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Dominância plena pelos Furiosos. Mesmo antes dos campeões summonarem em Summoner’s Rift, a Furia já tinha feito história no draft. O pick de Morgana na Selva para Minerva e o truques para enganarem seus adversários foram brilhantes por parte do elenco. Sobretudo, os Panteras tinham um grande desafio no early game.

Com somente vantagem na rota inferior, a FUR poderia sofrer muito com as conhecidas jogadas agressivas da PRG. De fato, os Prodígios criaram jogadas como nunca, principalmente com as invasões de Yampi (Trundle), o qual tentou impor pressão no caçador adversário. Os Panteras foram ágeis nas rotações e lidaram bem com as jogadas, conseguindo ainda garantir o primeiro dragão das nuvens e não sair tão atrás do roaming da PRG.

Os Prodígios sentiram a pressão de não conseguir vantagem significante no early game e tentaram cada vez mais agir. Conseguiram os dois arautos da partida e tentaram jogar pelas rotas laterais, mas não foi o suficiente. A FUR controlou o mapa e foi superior no splitpush. A PRG falhou em dar prioridade ao crescimento das forças de Anyyy (Kassadin) e, quando encarou as consequências, já podia visualizar a derrota iminente.

Com o elenco dos Prodígios fora de sincronia e trabalhando isolado, ficou fácil para a Furia executar alguns bons pickoffs. Com estes abriu uma larga vantagem em ouro e domínio de mapa. A partir de então, os Panteras não perderam mais luta alguma e conquistaram tudo o que poderiam conquistar, alma do dragão do oceano, Barão Nashor, torres e, finalmente quando tinham pressão total nas rotas, destruíram as estruturas que restavam na base de seus adversários e abateram-nos um a um para fechar a partida.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Grande vitória da INTZ! Por mais que parecesse um jogo qualquer, não era. Ambas as equipes já se enfrentaram inúmeras vezes em sua história e, devida a situação das duas na tabela do campeonato, precisavam demonstrar boa performance para garantir vaga nas Eliminatórias.

A paiN das primeiras semanas retornou. Mesmo com boas prioridades no lado superior do mapa e na selva, enquanto que os Intrépidos só possuíam força de early game na rota inferior, SeongHwan deixou a passividade se instaurar novamente e, mesmo escolhendo Lee Sin para esta partida, não fez nada grandioso nos primeiros minutos.

A INTZ soube aproveitar melhor o seu começo de jogo. Ainda que perdendo o primeiro dragão para os seus rivais, eles rodaram a prioridade para o que poderiam ter de mais valioso no early game, uma Miss Fortune forte. RedBert (Rakan) e Shini (Sett) foram pontuais em suas iniciações e garantiram muitas eliminações para as mãos de seu atirador aliado, dando oportunidade para que toda a estratégia da INTZ ficasse muito mais tranquila para se executar.

Aos 15 minutos de partida, os Intrépidos já somavam 6 eliminações — 4 com micaO — e 4 mil de ouro a frente de seus adversários. A PNG não conseguiu contestar mais nada e não tentou cobrar as iniciativas da INTZ de outra maneira, o efeito bola de neve rolou e, se não fosse pela luta aos 23, a qual terminou melhor para os Tradicionais, os Intrépidos teriam feito uma partida totalmente dominante.

Respirando por aparelhos, os Tradicionais não conseguiram segurar mais o ímpeto Intrépido e, tentando defender a sua base aos 29, viram brTT (Varus) tomar um abate isolado embaixo de sua torre em um avanço da INTZ. Ali estava tudo acabado. Na sequência, os Intrépidos avançaram e não pararam até destruir o Nexus.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Boa virada dos Ninjas! Mesmo com uma boa composição, eles não tiveram vida fácil contra os Redentores, os quais dominaram a partida durante todo o early game.

A KBM começou bem ao forçar os dois Flashs da dupla da rota inferior, mas não tirou muito proveito disto na sequência. Por outro lado, a RDP veio mais proativa e garantiu o First Blood para Krastyel (Tristana) na rota do meio. Somando a isto, a rotação do elenco foi muito boa, onde conseguiram garantir alguns objetivos iniciais: os dois primeiros dragões — oceano e nuvem —, arauto e primeira torre.

A partida teve alguns picos de intensas movimentações, lutas, e picos de extrema paciência e administração de recursos. Ambas as equipes se estudavam muito, mas a RDP estava saindo à frente neste quesito até os 21 minutos de partida. Mesmo com bom ritmo, os Redentores começaram a perdê-lo a partir do mid game.

As tentativas de buscar abates em momentos errados foram cobradas ferozmente pelos Ninjas e a RDP começou a perder a sua vantagem minuto a minuto. Sem saber como conter a sangria, eles viram uma KABUM que soube trabalhar o mapa e, quando viu oportunidades, Parang (Sylas) brilhou e trouxe as batalhas vitoriosas para seus companheiros. Sendo muito paciente, a KBM precisou de dois ACEs e 2 Barões Nashor para finalizar a partida.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Bela partida realizada pelos Guerreiros! Com domínio extremo, a Vivo Keyd veio com garra para defender a sua posição na tabela. Os Rubro-Negros não conseguiram executar a sua composição e sofreram por isto.

No final do draft, era notória o estilo das escolhas de ambas as equipes. O Flamengo optou por agressividade e pickoffs com Nocturne, Syndra e Kai’Sa nas mãos de Ranger, Goku e Absolut, respectivamente, enquanto os Guerreiros foram para uma linha mais defensiva, com Poppy, Trundle e Ezreal nas mãos de Robo, Grell e Klaus, respectivamente.

O que aconteceu em Summoner’s Rift jamais poderia ser previsto. A Keyd veio com força total e acuou os Urubus do começo ao fim. Grell (Trundle) fez o jogo acontecer. Desde os primeiros minutos, o caçador da VK rodou o mapa e por onde passou, distribuiu o caos. Ele foi responsável por trazer todo do domínio que os Guerreiros conseguiram impor. 

Robo (Poppy) também marcou sua presença com seus teleports e o Flamengo não teve sossego. Até quando estava isolado em sua rota, o Topo da VK incomodava e, portanto, os Urubus constantemente procuraram eliminações isoladas nele durante o mid game. A Keyd soube abusar muito disto e se fortaleceu com os objetivos neutros conquistados, além das eliminações.

Aos 21 minutos, mesmo estando muito atrás, o FLA tentou uma luta iniciada pela ultimate de Ranger (Nocturne) em Klaus (Ezreal), mas não deu certo. Os Guerreiros trabalharam com um eficiente kiteback e abateram 4 de seus adversários. A vantagem numérica foi suficiente para garantir-lhes o inibidor da rota do meio e o seu primeiro bônus do Barão Nashor.

Com tamanha vantagem e abusando da pressão que conseguiram colocar. Estavam muito fortes individualmente e tinham toda a pressão das três rotas na base do Flamengo. Os Guerreiros não precisaram se esforçar muito para finalizar a partida.

Jogos de Sábado

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

A paiN veio melhor do que o dia anterior para o Sábado, mas a Keyd confirmou a sua superioridade comparado aos seus adversários do CBLoL com mais uma vitória e já garantiu a sua vaga nas Eliminatórias.

Mesmo com uma leve vantagem para o early game em todo o seu elenco, os Tradicionais não conquistaram tanto quanto queriam. SeongHwan (Taliyah) se mostrou mais presente, mas a sincronia ausente nos Tradicionais foi um ponto marcante para a sua derrota. Na minha visão, faltou direcionar recursos a Yang (Renekton), já que o gank do caçador da PNG no topo era muito favorável para conquistar abates. Além disso, faltou cobrar melhor as movimentações da Vivo Keyd.

Os Guerreiros demonstraram estarem muito mais completos como uma equipe de fato e fizeram suas rotações como uma unidade. A paiN sofreu no controle de visão e tomou muitos abates isolados, deixando seus adversários cada vez mais à vontade na partida.

Com lutas bem orquestradas e trabalhando no erro de posicionamento dos Tradicionais, a VK controlou a partida de maneira bem disciplinada. Mesmo sem sair muito à frente de seus adversários, eles souberam aproveitar as oportunidades e apostaram nos objetivos neutros para ganhar o jogo na pressão de mapa, embora houvesse ocorrido muitas lutas, sendo que a maioria destas foram forçadas pela PNG.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Que jogo confuso e sangrento! Quando a KABUM realizou a sua vigésima terceira eliminação, ali estava ditado o fim de jogo. O número de abates (32) ditou como foi muito instável a partida, onde, mesmo mantendo-se à frente, os Ninjas tiveram dificuldade em derrotar os Intrépidos.

O draft de ambas as equipes foi unilateral. A KABUM se favorecia no early game, e a INTZ no late game. A oposição também se refletia nas lutas em grupo, onde lutas rápidas eram melhores para os Intrépidos e lutas prolongadas beneficiavam os Ninjas. Mesmo com essas diferenças, o jogo foi intenso do início ao fim, com ambas as equipes tentando conquistar o seu espaço.

A INTZ priorizou o domínio de território, enquanto os Ninjas focaram nos dragões. Mesmo com vantagem inicial, a KBM teve dificuldades em lidar com as jogadas agressivas dos Intrépidos, deixando seus adversários gostarem das vantagens que conseguiram em abates nas lutas. Aos 16 minutos, a KBM conseguiu abusar da sua prioridade em batalhas longas e, conseguindo 3 abates, eles pegaram o segundo arauto da partida.

A partir dos 16, começou banho de sangue ocorreu em Summoner’s Rift. Ambas as equipes batalharam o tempo inteiro e procuraram conquistar objetivos neutros e controle de visão nos resets de seus adversários. Quem se saiu melhor no final foi a KABUM. Mesmo com a vantagem natural de late game da INTZ, os Ninjas tinham valorizado os dragões elementais, como comentado anteriormente, e isso fez total diferença nas lutas finais. 

Após mais de 40 minutos de partida, a KBM encontrou um bom momento para lutar na disputa pelo Dragão Ancião e, após garantir um pickoff em Tianci (Renekton) e abater o objetivo, eles marcaram um ACE na partida e se encaminharam para a vitória.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Aloned foi incrível! Dessa vez, durante o draft, a estratégia dos Prodígios se voltou para uma composição de pickoff e pressão de rotas laterais muito forte. O FLA optou por escolhas que funcionavam muito melhor trabalhando juntas, como uma grande unidade.

O Meio da PRG teve grande destaque no mid e late game, mas quem abriu as oportunidades para o seu crescimento e o de sua equipe foi Yampi (Trundle). O caçador dos Prodígios começou a partida muito bem, já abusando do tracking em Ranger (Gragas) e invadindo a selva do Flamengo diversas vezes para deixar seu adversário de Selva sempre um passo atrás.

A PRG só não foi extremamente dominante pois os Urubus resistiram de maneiras inteligentes. Mesmo atrás, o FLA conseguiu ler muito bem a movimentação adversária e não deixou a PRG criar em cima disso. O ponto-chave para a vitória dos Prodígios foi nos pickoffs e lutas favoráveis em vantagem numérica. O conhecimento de que, se batessem de frente com os Rubro-Negros no 5×5 seriam atropelados, não foi desperdiçado.

Ainda assim, a PRG sabia do scaling que os Urubus teriam para o late game, então focaram em objetivos neutros para garantir vantagem de mapa e não abrir brecha para o FLA voltar na partida. Mesmo assim, qualquer luta boa para seus adversários, poderia virar o jogo. 

Com a vantagem muito superior, ficou difícil de o Flamengo segurar a partida. A PRG deu espaço e, após conquistar o Barão Nashor aos 30 minutos, pressionou seus adversários na base para aplicar o GG.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

A partida não foi feia, ela foi horrível! Ambas equipes tiveram muitas missplays e muitas tomadas de decisões duvidosas e, em uma partida com mais de 40 minutos, a Furia conquistou sua vitória em um backdoor executado no limite.

Já no draft, os Panteras trouxeram algumas surpresas, como mais uma escolha diferente nas mãos de Minerva, os Kindred, e Zilean nas mãos de Anyyy. A composição da RDP foi um pouco mais de acordo ao meta e tinha grande poder no late game.

O jogo foi conturbado do início ao fim. Mesmo com tantas indas e vindas, a FUR adquiriu a sua vantagem de ouro inicial e manteve-se sempre à frente de seus adversários. A vantagem que os Panteras conquistaram foram a partir de erros de rotações dos Redentores. Com a vantagem no roaming, eles conseguiram bons pickoffs e alguns objetivos neutros.

Quando a fase de rotas se encerrou e Tyrin (Renekton) começou o seu splitpush, foi quando iniciou-se o momento de crescimento da Redemption. Eles conseguiram boas eliminações no Topo adversário e a FUR não contra-atacou para cobrar essas eliminações.

No late game, a RDP sabia do seu momento e estava pronta para lutar pela vitória. Tendo em vista a força adversária, os Panteras tentaram trabalhar nas rotações e, com uma chamada de Barão Nashor da RDP, aos 42 minutos, Anyyy e Tyrin optaram por ficar na rota inferior invadindo a base adversária, enquanto o resto da equipe tentava um milagre no covil do Nashor. E o milagre aconteceu. Minerva (Kindred) foi certeiro no seu smite e roubou o objetivo da Redemption. Os dois que estavam no splitpush na rota inferior conseguiram realizar um backdoor e garantiram a vitória para a sua equipe.

Jogos de Domingo

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

A execução dos Ninjas foi precisa! Apesar e um início conturbado, onde as duas equipes brigavam muito por vantagem e disputavam quem saía à frente, a KABUM foi certeira em criar jogadas baseadas na estratégia de sua composição. A PRG não foi apática, mas perdeu no draft.

Os Ninjas possuíam vantagem de early game em todas as suas rotas e na selva, mas o jogo não começou nada bem para eles. A PRG foi proativa e fez uma invasão na selva da KBM, forçando o Flash de DudsTheBoy, o qual foi desatento em seu posicionamento. O Atirador conseguiu sair vivo, mas o seu Suporte pagou com a vida em seu lugar.

A partir da jogada na selva, a PRG começou a ditar o ritmo da partida a seu favor. Yampi (Trundle), como já performado em partidas anteriores, foi muito criativo e tentou distribuir vantagens para seus companheiros. Mas seu ímpeto não durou muito tempo.

Após conquistar o Olho do Arauto, aos 8 minutos, a PRG fez seu primeiro e grande erro. Após conquistar o objetivo neutro, os Prodígios tentaram um dive em Parang (Jayce) e a jogada terminou muito ruim para a equipe atacante, dando 3 abates nas mãos dos Ninjas. Logo em seguida, aos 10 minutos, ocorreu uma luta na rota inferior muito melhor aos Prodígios e o elenco da KABUM, mesmo perdendo o início da batalha, conseguiu responder bem na sequência e cobrou os abates que sofreu no decorrer da luta. O placar, neste momento, empatou em 7 eliminações para cada lado, mas quem estava à frente na vantagem de ouro e ritmo era a KBM.

Quem ditou o ritmo da partida rumo ao late game foi a KABUM e, com excelente execução de sua composição em lutas, a PRG não conseguiu espaço para contra-atacar. Com total pressão na base adversária, os Ninjas garantiram a sua terceira vitória na semana.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Mesmo com derrota, eu gostei do jogo da Furia. Em uma partida muito longa e disputada, a FUR mostrou que conseguiu aprimorar a sua performance. O FLA foi paciente e trabalhou suas forças nos erros de seus adversários para garantir a vitória.

A composição dos Panteras tinha grandes forças no late game, mas eles já começaram muito bem desde o começo. Minerva (Jarvan IV) atuou como a engrenagem que a FUR precisava e rodou o mapa, não abrindo espaço para Ranger (Olaf) impor seu jogo. Além disso, Damage (Nautilus) foi astuto e aproveitou a imobilidade do Suporte do FLA — Yummi nas mãos de Jojo — para criar jogadas pelo mapa.

O grande problema para os Furiosos, foi errar em executar a sua estratégia na transição do mid para o late game, e, sem abusar das suas forças em rotas laterais e forçando lutas desnecessárias, eles perderam pouco a pouco a sua vantagem e ritmo de jogo. O Flamengo aproveitou ea oportunidade e cresceu muito a partir das teamfights e pickoffs.

Mesmo já mais fortes que seus adversários, os Rubro-Negros tinham consciência do poderio de Anyyy (Corki) e Alternative (Miss Fortune). Luta frente a frente não era uma opção para garantir a vitória. Então, aos 45 minutos, eles conseguiram espaço para encaixar um pickoff em Tyrin (Renekton) na rota central e, com uma luta em vantagem numérica, conseguiram o suficiente para fechar a partida.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

Que atuação do Tianci! Confesso que não confiei nesse draft da INTZ. Não parecia existir sintonia entre Darius, Cassiopeia e Ezreal, mas os Intrépidos surpreenderam e fizeram uma boa execução da composição, embora não tenham dominado completamente a partida.

A Vivo Keyd começou muito bem. Antes mesmo dos minions nascerem, Grell (Olaf) conseguiu o First Blood em Shini (Hecarim) e NOsFerus (Azir) abateu Tianci (Darius) na sequência. Com a vantagem cedo, Grell, o qual já teria um early game bom pela força do seu campeão, ficou ainda mais confortável para invadir Shini e botar pressão no Caçador adversário.

Na rota inferior também começou bem para os Guerreiros. Klaus (Aphelios) e Professor (Zilean) mostraram suas forças e estavam indo muito bem no 2×2 contra a dupla Intrépida.

Tudo mudou com a atuação de Tianci nas rotas laterais, Robo (Ornn) sofreu em suas mãos. Grell tentou auxiliar o seu Topo, mas de nada adiantou. Com a força que o toplaner da INTZ conquistou, as lutas em grupo começaram a ficar melhores para a sua equipe e o domínio que a VK conseguiu realizar no early game começou a esvair-se.

Os Guerreiros não conseguiram lidar com o splipush de Tianci e aos poucos foram perdendo estruturas defensivas. Eles tentaram forçar algumas lutas na vantagem numérica que tinham quando o Topo adversário estava no split, mas o poke de micaO (Ezreal) e a sobrevida que RedBert (Yummi) garantia a seus aliados impediu com que a Keyd conseguisse tentar contra-atacar a estratégia da INTZ.

Mantendo a estabilidade de ritmo, os Intrépidos pressionaram completamente a VK contra a sua base e Tianci brilhou nas iniciações de lutas para sua equipe conseguir os abates e garantir mais uma vitória na semana.

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!

A paiN não podia perder essa partida. A Redeption, mesmo já rebaixada do CBLoL, executou de maneira muito correta o seu plano de jogo e o elenco da PNG amargou a sua derrota como a consequência de seus erros durante o confronto.

A paiN crucificou o seu resultado desde os primeiros minutos. Foram inúmeras jogadas forçadas para conquistar abates e todas saíram melhor no final para a Redemption. A vantagem escalou muito a favor do time de Porto Alegre e só não foi o suficiente para finalizar a partida cedo pois tinowns (Azir) resistiu muito nas lutas e segurou o ímpeto adversário.

A RDP deu chances aos Tradicionais para virarem a vantagem da partida. Quando a duração da partida passou dos 40 minutos, o momento de força da composição da paiN já tinha chegado. Mesmo com a vantagem que os Redentores tinham conquistado, já não era mais suficiente para ganhar o jogo na pressão de rotas. A única opção era lutar melhor para saírem com a vitória.

Com pressão na base da PNG, aos 46 minutos, o elenco da RDP conseguiu executar uma boa luta, separou a equipe adversária e eliminou brTT (Kai’Sa) cedo para então vencer a partida.

A Super semana continua

CBLoL – INTZ vem forte para disputar as Eliminatórias!
Tabela da Semana 8 do CBLoL | Imagem: Riot Games BR

O CBLoL volta na próxima Sexta-Feira (24) com mais uma Super Semana para compensar o período de suspensão. 

Confira quais são os próximos confrontos:

Sexta-feira (24/04) – Rodada 19

13h – Vivo Keyd x Furia Uppercut Esports

14h – KABUM E-SPORTS x paiN Gaming

15h – Flamengo eSports x Redemption Porto Alegre

16h – INTZ x Prodigy Esports

Sábado (25/04) – Rodada 20

13h – KABUM E-SPORTS x Flamengo eSports

14h – Redemption Porto Alegre x Vivo Keyd

15h – Furia Uppercut Esports x INTZ

16h – paiN Gaming x Prodigy Esports

Domingo (26/04) – Rodada 21

13h – Prodigy Esports x Redemption Porto Alegre

14h – paiN Gaming x Furia Uppercut Esports

15h – Vivo Keyd x KABUM E-SPORTS

16h – Flamengo eSports x INTZ

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *