CEO da Nintendo russa criou uma empresa para importar jogos no país, driblando o embargo

14 de abril de 2023
CEO da Nintendo russa criou uma empresa para importar jogos no país, driblando o embargo

Desde o início da invasão da Ucrânia por parte da Russa, países ocidentais impuseram para o governo de Vladimir Putin uma infinidade de embargos. Empresas como o McDonald’s se retiraram do país, patrocínios como o da russa Uralkali na equipe de Fórmula 1 Haas foram encerrados e, assim como vários outros exemplos, a japonesa Nintendo também se retirou do país.

Em caráter oficial, a Nintendo parou de enviar jogos para a Rússia em março de 2022, e encerrou a loja digital no país, mantendo um escritório apenas para cumprir questões legais no país, mas já sem a representação que um escritório no local deveria oferecer, no que diz respeito a distribuição de produtos, suporte e potenciais questões como localização.

Mas, de acordo com o Kommersant, e avançado pela Eurogamer, Metroid Prime Remastered está disponível em território russo, sendo vendidos nas lojas do país. Mas não através da Nintendo, e sim de uma empresa chamada Achivka. O curioso é que a Achivka é uma companhia fundada por Yasha Haddazji, o CEO da Nintendo Rússia. E é ela quem está importando games e consoles ao país.

A companhia nasceu em dezembro de 2022 e tem como sede o mesmo local da Nintendo russa. A importação de produtos Nintendo no país é legal, pois a lei permite que produtos sejam importados sem o consentimento do fabricante, mas é uma situação curiosa pois é alguém diretamente ligada com a Nintendo que está resolvendo a falta de produtos da companhia no país.

A Nintendo Rússia não deixou de existir, pois ainda existem questões a serem lidadas no país, como o suporte para produtos comprados anteriormente ao embargo, além de questões jurídicas envolvendo a nação russa. E o CEO no país continua o mesmo, para lidar com tais questões.

Para a Eurogamer, a Nintendo enviou um comunicado, explicando que mantém presença mínima no país, que sabe que a Achivka está importando seus produtos, mas que não tem afiliação e nem envolvimento com as atividades da empresa. Veja a nota completa:

No início de 2022, a Nintendo suspendeu o envio de produtos para a Rússia e colocou a Nintendo eShop em manutenção após a suspensão de transações em rublos russos pelo provedor de pagamento. Depois disso, e como resultado das perspectivas econômicas, a Nintendo da Europa decidiu encerrar as operações de sua subsidiária russa.

Manteremos uma presença mínima na Rússia para concluir o processo de liquidação e cumprir os requisitos legais, contratuais e administrativos. Os funcionários em Moscou receberam pacotes de remuneração individuais, e seus contratos terminaram por acordo mútuo e com nosso apreço por seus esforços.

Continuamos a investigar soluções para honrar os compromissos anteriores com nossos clientes no mercado russo. Nesse sentido e com um espírito de transparência, estamos em discussões avançadas com potenciais fornecedores de serviços de reparo e garantia para produtos Nintendo que já haviam sido vendidos no mercado russo, com a LLC Achivka sendo um desses fornecedores potenciais.

Estamos cientes de que várias empresas na Rússia operam importações paralelas de bens, incluindo produtos da Nintendo. A Nintendo não é afiliada a essas empresas e não tem envolvimento em atividades de importação paralelas na Rússia.

No caso de nossos clientes russos terem dúvidas sobre nossos produtos ou serviços, continuamos a incentivá-los a entrar em contato com o Suporte ao Cliente.

Uma resposta para “CEO da Nintendo russa criou uma empresa para importar jogos no país, driblando o embargo”

  • 14 de abril de 2023 às 21:41 -

    Helinux

  • A Rússia se isolando e ao mesmo tempo querendo tomar grande parte do Globo Terreste, essa é a verdade!!!! Tudo bem a Nintendo querer honrar seus compromissos, fato que pessoas que moram na Rússia, civis e jogadores de games não tem nada a haver com essa guerra idiota, uma guerra que foi começada por um país com poder bélico bem superior e talvez o mais superior atualmente, já que até os Estados Unidos tremeu na base e nas pernas!!!! A verdade é que a Rússia também tem seus aliados no qual um deles adora comprar e comer comida brasileira e assim nós também fingimos que não está tudo bem!!!! Triste essa nossa realidade, o melhor mesmo é jogar video game para poder esquecer um pouco da ambição das pessoas que governam nosso país e mundo!!!! valeu!!!!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *