Lara Croft, quer dizer, Alicia Vikander, diz qual é o seu Tomb Raider preferido

1 de março de 2018
Autor: Junior Candido

Lara Croft, quer dizer, Alicia Vikander, diz qual é o seu Tomb Raider preferido

Dos polígonos que exageravam seus atributos, passando pelas famosas tranças, chegando em Angelina Jolie, rejuvenescendo e agora na pele de Alicia Vikander, Lara Croft pode dizer que mudou muito com o passar do tempo. A atriz, que vai viver a aventureira no próximo filme de Tomb Raider acompanhou toda esta evolução, e, em entrevista para a Games Radar, compartilhou sobre o seu game preferido da série.

Alicia disse que o primeiro Tomb Raider significou muito para ela, já que ela sempre gostou de filmes de aventuras, e através do game, poderia ir para o Egito ou Atlantis, mundos os quais ela sempre lia livros e sonhava ir quando criança. “Isso sempre significará muito, pois eu era muito jovem”, explica.

“Eu não tinha um Playstation em casa, infelizmente. Mas os amigos da minha família, ou os meninos da minha família tinham um”, lembra. “Eu tinha em torno de uns 10 anos quando vi o jogo. Lembro de que olhei para a TV e nunca tinha visto uma garota, uma mulher sendo protagonista de um videogame, e fiquei emocionada, só ali observando. Raramente podia jogar, porém eu tive uma oportunidade. Na maior parte do tempo, fiquei treinando na Mansão, pois eu cheguei em uma parte com lobos, e isso me assustou. Eu não passei dessa parte até a adolescência, quando joguei a versão Anniversary do primeiro jogo”.

 

A atriz também ama as aventuras da Crystal Dynamics, com os jogos de Tomb Raider lançados em 2013 e 2015, que inspiram de certa forma o filme. “Eu acho que são realmente impressionantes — os reboots, pois adoro o fato de terem ousado ir tão longe quanto eles fizeram, contando uma boa narrativa”, comemora Alicia. “É um arco adequado e muito cinematográfico, o que acho ser muito legal”.

Tomb Raider chega aos cinemas no dia 16 de março, e conta a história de Lara Croft na busca por seu pai perdido na ilha de Yamatai. Você pode conferir a entrevista completa neste link.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *