Melhores Jogos do Ano Arkade 2016: Hyper Light Drifter

25 de dezembro de 2016
Autor: Henrique Gonçalves

Melhores Jogos do Ano Arkade 2016: Hyper Light Drifter

A equipe da Heart Machine conseguiu lançar um jogo de sucesso fazendo o mais improvável: tirando o máximo de informação e o deixando mais natural possível. Hyper Light Drifter é surpreendente, e fez por merecer sua posição em nossa lista de Melhores do Ano!

Hyper Light Drifter abraça o desconhecido como nenhum outro jogo, deixando nas mãos do jogador entender o que está acontecendo, o que ele deve fazer e como encontrar uma solução. Sua jogabilidade, assim como sua história, é apresentada sutilmente e sem um diálogo propriamente dito: tudo é apresentado através de gravuras, que ilustram mecânicas básicas de atacar, esquivar e utilizar sua arma secundária, além de entender o funcionamento deste mundo, a origem do povo e o mal que habita por lá.

A história, contada em cenas sem uma única palavra proferida, mantém a sensação de mistério mas sem ser pretensioso ao mostrar o enredo. Esta mesma apreciação pelo desconhecido pode ser comparada com a história do próprio criador, Alex Preston, que sofre de uma doença no coração causada por uma mutação genética. Em uma entrevista ao Rock, Paper, Shotgun, Preston fala sobre o impacto desta doença em sua vida, incluindo o nome do estúdio e o subsequente desenvolvimento de Hyper Light Drifter.

Melhores Jogos do Ano Arkade 2016: Hyper Light Drifter

Desta forma, o jogo intensifica seus momentos mais enigmáticos, com o protagonista caminhando em uma luta pela sobrevivência, enquanto se mostra como uma mensagem tocante da mesma luta que seu criador enfrenta todos os dias.

Mas obviamente Hyper Light Drifter seria somente uma forma artística interessante de se expressar se não fosse pela sua jogabilidade intrínseca, desafiadora, frenética e acima de tudo, responsiva. O jogo produz batalhas memoráveis e possui um andamento excelente, se inspirando em clássicos como The Legend of Zelda: A Link to the Past para passar um clima similar de exploração, incentivando aqueles que estão interessados em decifrar um pouco mais do quebra-cabeças que é a sua história.

Melhores Jogos do Ano Arkade 2016: Hyper Light Drifter

Assim Hyper Light Drifter conseguiu elevar o patamar de jogos que anseiam pelo mistério, não só pela maneira que a história e a jogabilidade dialogam com o jogador, mas pelo significado maior que a jornada do protagonista tem com seu criador. Como se não bastasse, a Heart Machine também consegue trazer um jogo divertidíssimo a mesa, entregando um balanceamento perfeito de seus elementos principais.

Confira nossa análise completa de Hyper Light Drifter neste link.

Uma resposta para “Melhores Jogos do Ano Arkade 2016: Hyper Light Drifter”

  • 25 de dezembro de 2016 às 16:56 -

    hasley

  • Melhor game em pixel-art que joguei esse ano, sem sombra de dúvida.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *