Melhores do Ano Arkade 2019: Trine 4 – The Nightmare Prince

28 de dezembro de 2019
Autor: Rodrigo Pscheidt
Melhores do Ano Arkade 2019: Trine 4 - The Nightmare Prince

Trine 4: The Nightmare Prince chegou com a difícil missão de dar um gás na franquia, após um terceiro game que pareceu um tanto inacabado. Felizmente, ele conseguiu não só recolocar a série nos eixos, como também foi um dos Melhores Jogos do Ano!

Depois de experimentar coisas novas (que não foram muito bem sucedidas), em Trine 3 a Frozenbyte resolveu voltar ao básico: 3 heróis seguindo em frente, saltando em plataformas e resolvendo puzzles que demandam raciocínio e trabalho em equipe.

Trine 4 conta uma história simples mas interessante, que é coroada por personagens carismáticos e cheios de personalidade. Ao otimizar certos processos (como a forma de conjurar plataformas do mago Amadeus), o gameplay torna-se mais fluido, e ainda que seja perfeitamente possível jogar sozinho (alternando entre o trio de heróis), o game brilha mesmo é no multiplayer local.

Melhores do Ano Arkade 2019: Trine 4 - The Nightmare Prince

O visual continua sendo de cair o queixo de tão bonito. Ao misturar uma direção de arte primorosa com o talento de seus artistas e programadores, a Frozenbyte entregou um dos jogos mais bonitos e coloridos da geração, daqueles que cada frame poderia tranquilamente ser emoldurado e pendurado na parede.

Os puzzles também merecem destaque, pois não são difíceis demais a ponto de deixar o jogador travado, nem simples demais a ponto de subestimar a inteligência do público. Trine 4 aposta no meio termo, e se dá bem na maior parte do tempo, aproveitando os equipamentos e habilidades de cada herói para criar puzzles criativos e muito bem integrados aos cenários.

Melhores do Ano Arkade 2019: Trine 4 - The Nightmare Prince

Trine 4 não reinventa a roda: ele ainda é um típico Trine. E isso é ótimo! Ao evoluir a velha fórmula da franquia, os produtores entregaram não só um ótimo jogo, mas também o melhor, mais bonito e melhor balanceado capítulo da série.

Leia aqui nossa análise completa, chame seus amigos e se jogue neste belíssimo conto de fadas interativo!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *