Fique por dentro: Sony anuncia mudanças importantes na Playstation Store Brasil

13 de setembro de 2013
Autor: Junior Candido

Fique por dentro: Sony anuncia mudanças importantes na Playstation Store Brasil

Se você tem PlayStation e faz compras pela sua loja virtual, fique atento: A Sony enviou um comunicado a todos os usuários da Playstation Store Brasil sobre mudanças importantes nas regras de compras de games envolvendo cartões e comércio internacional.

No comunicado, a Sony explica que baseada nesta nova regulamentação de compras internacionais, alguns bancos brasileiros não permitirão aos consumidores comprar em reais produtos de redes comerciais internacionais, como o iTunes, o Google Play e também a PS Store.

As compras ainda são feitas com cartão de crédito internacional, porém, a partir de agora, cada vez que você o usa para efetuar suas compras, o banco pode impor taxas de flutuação cambial e impostos, como se a sua compra fosse internacional. Ou ainda pode rejeitar a sua transação por entender que seu cartão não atende mais aos requisitos.

A razão do aviso é simples: grande parte das lojas virtuais, embora vendam na moeda brasileira, têm servidores com seus produtos digitais hospedados fora do Brasil. Estas transações de certa forma são internacionais mas eram tratadas como compras nacionais. Agora com a nova regulamentação, estas mesmas transações serão tratadas como internacionais, da mesma maneira como se você estivesse comprando um game na PS Store americana, por exemplo.

Para evitar sustos com taxas, entre em contato com o banco emissor de seu cartão e tire todas as suas dúvidas, e além da PS Store, verifique se a loja online na qual você compra seus produtos digitais se encaixam nesta situação de transação internacional.

A Sony ainda se coloca a disposição através de seu suporte, nos telefones 4003-7669 (ou 4003-SONY) em capitais e regiões metropolitanas ou no 0800 880-7669, para as demais localidades.

(Via: Assessoria de Imprensa Sony)

20 Respostas para “Fique por dentro: Sony anuncia mudanças importantes na Playstation Store Brasil”

  • 13 de setembro de 2013 às 11:15 -

    Renan do Prado

  • Mas que sacanagem dos bancos!!!!!!! Se os caras quiserem podem cancelar a compra??? Caramba, que merda!!!
    Eu não tenho PSN BR mas estava considerando criar uma, espero que isso não afete o PS4 e eu possa ter conta tanto US e BR, pois darei prioridade para a US em assinar a Plus.

    • 13 de setembro de 2013 às 11:57 -

      cozmUz

    • É só se manter informado com o seu banco. Por exemplo, comigo, irei pagar apenas o IOF. Na hora que li o e-mail da Sony pela manhã também tinha ficado preocupado, liguei no banco e eles me falaram que irei continuar a pagar os 0,38% de IOF. Legal a politica da Sony de informar os usuários.

      • 13 de setembro de 2013 às 12:46 -

        MarcioHuser

      • 0,38% de IOF onde? O imposto para transações internacionais no CC é de 6,38%

  • 13 de setembro de 2013 às 14:33 -

    Stenio Stx

  • Como ja uso a Live e PSN americana msm, tô "tranquilo" e pelo q entendi, não vai fazer diferença pro Steam, eu acho

    • 13 de setembro de 2013 às 14:25 -

      Junior Candido

    • Esse lance vale se o servidor estiver fora do Brasil, que é o caso da PS Store, do Google Play e do iTunes (que inclusive já vende em dólares). Não sei como a Steam funciona, mas é bom confirmar antes de levar sustos.

  • 13 de setembro de 2013 às 11:35 -

    Cabramacho

  • E eu aqui com esperanças de um psn cotada em dilmas, triste isso.

  • 13 de setembro de 2013 às 11:51 -

    Daniel

  • No steam se paga IOF também, a não ser que você use a opção específica de cartão nacional, neste caso se paga via comprafácil ou no boleto. O ideal para compra no steam é colocar crédito na carteira steam via comprafácil, e quando necessário gastar a carteira com a compra de jogos, levando em conta que o comprafácil leva cerca de 1 dia para creditar a compra.

    • 13 de setembro de 2013 às 16:06 -

      Daniel

    • Só confirmando, a taxa é sim de 6,38% ou seja, se a compra for acima de 10 reais você já está no prejuízo, pois uma transação com o compra fácil você irá pagar apenas R$ 1,00, eu mesmo coloquei 100 reais no summer sale e gastei a vontando tendo pago apenas 1 real ao compra facil.

      • 19 de setembro de 2014 às 20:51 -

        Brenda Baggio

      • então o valor da taxa do  impor taxas de flutuação cambial e impostos,  e de 6,30% ?

  • 13 de setembro de 2013 às 11:51 -

    Mauricio

  • O pior é que a transação é tratada como compra internacional, mas o preço continua o salgado preço brasileiro.
    Deveria então ser o preço da PSN gringa.

    • 13 de setembro de 2013 às 13:04 -

      Anderson

    • É verdade cara, deveria ser o preço da Gringa pois se é internacional, é como se estivéssemos importando um produto, logo não faz sentido cobrar o preço do Brasil porque primeiro nem é em real, não é físico nem passa pela alfândega pra pagar tarifa de importação, pela lógica, isso deveria corta o preço em uns 30% sei lá, mas os caras querem roubar mais um pouco essa é a verdade, pagamos um dinheiro de imposto que vai ser desviado pros bolsos dos caras, isso é um absurdo, assim como o preço ridículo que se paga em um console, não tem lógica nem moral, da até desânimo desse país corrompido pela safadeza…

      • 13 de setembro de 2013 às 13:14 -

        Edimartin Martins

      • As manifestações não valeram em nada.
        O país continua uma merda.

      • 13 de setembro de 2013 às 15:25 -

        Arthur.E

      • É claro que as manifestações não valeram em nada, as causas eram dispersas e não tinha figura chave ( alem de 40% das manisfestantes serem bandos anárquicos).

        Se vocês querem mudar alguma coisa, botem alguém realmente empenhado em cortar gastos públicos e diminuir os impostos, lá em cima.

  • 13 de setembro de 2013 às 14:54 -

    Enrico Prado Ignacio

  • Engraçado ela falar disso agora, comprei jogo no ano passado e já tive que pagar taxas internacionais de câmbio e etc do cartão de crédito.

    • 13 de setembro de 2013 às 14:27 -

      Junior Candido

    • É que agora a regra vem de regulamentação nova e aplicação direta de bancos, não da PS Store

  • 13 de setembro de 2013 às 13:12 -

    Andrey

  • é uma puta sacanagem mesmo, adeus promoções da Steam e todos os sites que vendem em moeda nacional, pois a maioria são hospedadas fora daqui =/

  • 13 de setembro de 2013 às 13:13 -

    Anderson

  • É verdade cara, deveria ser o preço da Gringa pois se é internacional, é como se estivéssemos importando um produto, logo não faz sentido cobrar o preço do Brasil porque primeiro nem é em real, não é físico nem passa pela alfândega pra pagar tarifa de importação, pela lógica, isso deveria corta o preço em uns 30% sei lá, mas os caras querem roubar mais um pouco essa é a verdade, pagamos um dinheiro de imposto que vai ser desviado pros bolsos dos caras, isso é um absurdo, assim como o preço ridículo que se paga em um console, não tem lógica nem moral, da até desânimo desse país corrompido pela safadeza…

  • 13 de setembro de 2013 às 13:15 -

    Anderson

  • Estão fazendo isso porque o dólar está em alta e não podiam perder a oportunidade de ganhar uma grana em cima da gente…

  • 13 de setembro de 2013 às 13:46 -

    Babiro

  • Sacanagem, pelo menos a Sony teve a boa açã de avisar né?!!

  • 14 de setembro de 2013 às 00:50 -

    zecarlos

  • tirando o lance da sacanagem …..pois poderia funcionar no padrao steam entao essa bagaca….ao inves de cobrar como produto nacional taxado ….e o governo mamando nas tetas do povo mais uma vez….mas enquanto tiver gente comprando mano….vai ser assim ou pior

    vou analisar esse caso ,se no steam acontecer algo de diferente que me faca desembolsar algo a mais do que normalmente …e mais um produto qeu paro de consumir

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *