A reação destas crianças ao ver um Game Boy é a prova de que estamos ficando velhos

9 de julho de 2014
Autor: Junior Candido

A reação destas crianças ao ver um Game Boy é a prova de que estamos ficando velhosCom tablets em alta definição e celulares com mil funções, qual seria a reação das crianças dos dias de hoje ao ver um “simples” Game Boy com “só uma cor”? Veja no vídeo a seguir e sinta-se velho comigo!

Quando eu era criança, queria muito um Game Boy. Nos idos dos anos 1990 o portátil da Nintendo já estava consolidado e inclusive tinha versões coloridas e menores do que as originais. Até hoje possuo um Game Boy Color e vira e volta me pego jogando Tetris ou Mega Man 2.

O pequeno videogame era perfeito para a sua época: tinha uma excelente autonomia de pilhas, era MUITO resistente (suportava de quedas de crianças até bombardeio na Guerra do Golfo) e mesmo com suas limitações técnicas que já eram evidentes desde seu lançamento em 1989, foi um sistema que nos presenteou com muita pérola em forma de jogo e tem sim lugar reservado em nossos corações.

Mas como dizia Nelson Ned: tudo passa, tudo passará… e o nosso pequeno notável deu lugar a aparelhos cada vez menores, com mais capacidades e recursos. E hoje ao invés de vermos as crianças se divertindo com Pokémon nas rodoviárias ou filas de dentistas, vemos elas curtindo os populares “joguinhos de celular”.

E este vídeo mostra o choque cultural que é ver estas crianças de hoje tendo contato com um Game Boy clássico. “O que é isso? O que faz isso? Tem MP3?”, estas e muitas outras perguntas curiosas você pode conferir no vídeo a seguir:

Sim, amigo e amiga que lê a Arkade… estamos ficando velhos. Mas isto não é algo ruim não, pelo contrário. É bom ver a evolução natural das coisas e ver como os videogames ampliaram em capacidades e opções. É legal ver que daqui a dez anos, as crianças daquela época também acharão estranhos os iPhones e 3DSs que estão nos nossos bolsos agora.

Mas o que nós como gamers mais velhos que somos nunca devemos deixar acontecer é não mostrar para os pequenos como o antigo também é importante e que a diversão não depende de número de cores na tela ou processadores rápidos. Depende é da diversão que você consegue extrair de qualquer aparelho, seja algo recém comprado na loja ou aquele aparelho com mais de vinte anos de vida.

Via (Polygon)

5 Respostas para “A reação destas crianças ao ver um Game Boy é a prova de que estamos ficando velhos”

  • 9 de julho de 2014 às 15:24 -

    Fernando

  • Tenho pena dessas crianças por não terem vivido a época dourada dos vídeo Games

    • 9 de julho de 2014 às 16:09 -

      Rodrigo S.T

    • Engraçado que o japinha diz a mesma coisa das pessoas dessa época

  • 9 de julho de 2014 às 18:16 -

    Eduardo Menzel

  • eu sou da época do master sisten 

  • 10 de julho de 2014 às 12:02 -

    Joao

  • O japinha eh mesmo o mais sensato.. No geral, belo video.. Um pouco triste ate se for parar pra pensar em como estamos velhos ou em como a nova geracao tem alguns “pre-conceitos” sobre determinadas coisas, em especial videogames..

  • 10 de julho de 2014 às 15:27 -

    Reinaldo Dimon

  • Muito bom o vídeo, engraçado como tenho o meu game boy pocket até hj e não pretendo vender nunca! 

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *