Revista Arkade #51 – Medal of Honor Warfighter

9 de novembro de 2012
Autor: Arkade

Revista Arkade #51 - Medal of Honor Warfighter

Revista Arkade #51 - Medal of Honor Warfighter Revista Arkade #51 - Medal of Honor Warfighter

Clique aqui para assinar a revista Arkade.

A Arkade é uma revista digital totalmente gratuita. Venda proibida.

18 Respostas para “Revista Arkade #51 – Medal of Honor Warfighter”

  • 9 de novembro de 2012 às 16:26 -

    Renan do Prado

  • Lerei hoje de noite!!!!

  • 9 de novembro de 2012 às 16:54 -

    Daniel Zimmermann

  • Muito boa a análise do game! A Arkade mostrou um ponto de vista bem definido e realista. Parabéns!

  • 9 de novembro de 2012 às 17:19 -

    DanielWarfare

  • Sabia que esse novo MOH não seria grande coisa, e olha que eu me enganei. Eu pensei que ele seria um “Battlefield 3.5” mas a verdade, é que ele tenta ser um novo “Call of Duty”…

    Falando sobre Assassin’s Creed III. Terminei o jogo hoje, e eu estou com raiva do final, eu pensei que ele seria o ultimo, mas a Ubisoft quis deixar bem claro que a serie irá continuar, claro que, se a série manter a qualidade apresentada em jogos como AC ou ACII e ACIII eu não tenho nada contra. Mas se for para continuar lançando outros “Revelations” eu prefiro que ela acabe.

    • 9 de novembro de 2012 às 18:17 -

      leandro(leon belmont) alves

    • ACIII o ultimo?

      Daniel, até parece que não vão botar o Desmond para ser assassino nos tempos atuais e ainda espero um AC na primeira ou na segunda guerra ou na guerra do eixo (Pearl Harbor)

      eu rezava de pé junto que RE6 seria o ultimo resident. se o Wesker morreu, deem um fim logo a trama. ou como eu temo. o game vai virar Fallout, com tudo destruido, Jill e Chris velhos demais para lutar e o Jake surtando, tomando o lugar do pai e tendo um filho com a Sherry…

      o que seria tenso, pois Wesker era um monstro…quem me garante que o filho também não é?

      .

      • 31 de janeiro de 2013 às 16:14 -

        Bruno

      • Porra, você não jogou mesmo o AC III. [SPOILER] Desmond morre no final de AC III.

    • 12 de novembro de 2012 às 13:21 -

      Manolo

    • Também dispenso um novo jogo nos moldes do Revelations. Achei um retrocesso pra série, e como saiu depois do Brotherhood foi pior ainda, pois perdeu o maravilhoso elenco de apoio que nos acostumamos a ver desde o segundo jogo.

  • 9 de novembro de 2012 às 17:46 -

    Rafael Pedro

  • Lerei brevemente.

  • 9 de novembro de 2012 às 18:02 -

    leandro(leon belmont) alves

  • olha, eu comprei o game essa semana(na quarta antes de ir trabalhar) por dois motivos: por consideração ao nome Medalha de Honra e para falar aqui o que achei do game.

    de enredo, não é nada que tenhamos visto em filmes ou séries de guerra, mas nos games não se mostrou. o drama das familias que tem soldados fodões que anseiam que seus filhos e maridos deixem essa vida. mas fazer o que, patriotismo americano é nojento as vezes. se bem que se tivessemos 10% dessa paixão pela nação pelo País, estaria bom. as cutcenes de drama entre Preacher,Mother e a familia de ambos..é como se eu visse Brothers in the Army, um seriado de guerra.

    e o modo como a história acaba é meio clichê e tenta dar uma lição de moral. mas eu acho que existem mesmo Cap Prices, Soap, Dusty e Preachers da vida, obvio, eles não são brasileiros.( como se tivessemos banca para isso) ou alguém conta com o Cap. Nascimento…alguns dizem que ele existe mesmo, vai saber?

    as fases, achei divertidas. não tem a pompa ou fodisse de um CODMW, mas pelo menos superam as de BF3, que quase todas as fases são meh, só a parte que joga com o Russo Dima que salva. a fase que minha favorita é a fase de perseguição do carro. e a mais tensa é a do navio. a inteligência artificial achei incrível, tipo. não sei se sou noob, já que jogo CODMW2 e Black Ops em Veteran. mas em cada fase, de dez tiro que você levar, 8 deles sequer você vai saber da onde diabos veio o tiro. o cara somente nota assim que foi acertado. ou seja, se é do que tipo que jogo só vale a pena jogando no Hard para cima…você vai ter muita raiva.

    eu não achei muitos bugs, exceto um. na terceira fase, tem uma parte que irmos de Sniper, eu atirava com o alvo no sujeito e a bala errava!! atirava uma, duas, três vezes e somente na quarta o sujeito tombava. e quando aparecia o helicoptéro, ferrava tudo. e não gostava das partes de Breach, são muitas e eu sempre errava de nervosismo. gostei do visual das armas, não são lindas e brilhantes como em Modern Warfare, mas atraem. achei o multiplayer ruim. mas como sou péssimo em BF nesse modo, aqui não seria diferente. tem muitos bugs e espero que a Danger Close conserte isso.

    em suma, acho que esse ficou um pouco melhor do que o Medalha de Honra anterior, mesmo com os gráficos de BF. a EA está falando que vai desistir do Medalha para se dedicar a BF…argh! olha, nada contra Battlefield. mas, sinceramente caras, prefiro controlar um Rambo ou do que um soldadinho raso meia boca.

    mas Leandro, isso não é realista. pelo menos BF é menos filme do que COD e MOH

    eu digo: prefere ver Por Trás das Linhas Inimigas com Owen Wilson, ou um Filme do Rambo com o Stallonne ou Braddock de Chuck Norris?

    e sobre o Medalha tentar um pouco de cada, assim como o Grande Nerd havia me informado que era para atrair um pouco dos fãs de cada franquia, MOH ainda está se encontrando novamente, então acho melhor esperar. eu fui até bom com RE6, mesmo não dando medo nem na minha avó de 86 anos e os netos pequenos, oras.

    pena que o Linkin Park não canta nos créditos.

    • 9 de novembro de 2012 às 18:38 -

      DanielWarfare

    • Quando um jogo tenta agradar a todos, ai a merda está feita.

  • 9 de novembro de 2012 às 19:37 -

    leandro(leon belmont) alves

  • acabei de ler a Revista. e aposto que a maioria vai achar a mesma coisa, gráficos bonitos, mas com mesmice e vocês elogiaram o multiplayer? sério? é brincadeira? o multi é bem mais pesado que o single player, os respawn são estranhos tem vez que você renasce em lugares onde não era para nascer, deixando o cara preso, sem sair. e possui paredes invisiveis nos cenários e ainda sim vocês gostaram?

    é o que digo, basta eu achar um game dessa geração bom, para critica massacrar o game que pus alguma fé que seria bom. com FFXIII,Fallout New Vegas, Mass Effect, RE6…(achando que ia voltar as origens…ingênuo eu) e agora o MOHWF. e games que o povo ama e baba até cansar como Assasssins Creed, God of War, MGS, Uncharted,esses GTAS em 3D. por mais que eu admita que sejam bons e pá, não consigo pagar pau. consigo dizer que jogo foda e tal…

    depois o pessoal ainda estranha mesmo tendo um Xbox com alguns jogos, eu ainda jogue SNES e Mega…mas, é a opinião da maioria. fazer o que?

    • 10 de novembro de 2012 às 09:36 -

      @albert_dark

    • Concordo contigo, eu finamente peguei o assassins cree 3, comecei a jogar e pensei ‘é bonzinho’, aí guardei e voltei a jogar disnonored, já esses novos shooters eu nem pego mais, cansei de todos quererem ser o mesmo game, pode até ser divertido, mas enjoa muito rápido, da sua lista só o god of war 3 que eu discordo pois gosto muito de GoW, mas somente o 1,2 e 3.
      Eu sempre digo que considero o forte dessa geração os games arcades, ao menos para mim foram onde os games mais divertidos foram laçados.

      • 10 de novembro de 2012 às 12:24 -

        DanielWarfare

      • Assassin’s Creed III eu achei um pouco enjoativo, ele não tinha mais o mesmo brilho que o primeiro ou o segundo tinha. A historia eu entendi, mas ela tem poucos momentos épicos como os antigos. Mas é questão de gosto. E o que mais me incomoda, é o conteúdo desperdiçado. Em ACIII você pode jogar boliche, vender coisas, criar coisas,contratar artesões, criar uma colonia, caçar, comprar armas, etc. Mas sinceramente? eu nunca usei nada disso, para que comprar armas, sendo que a “Machadinha overpower” está presente desde o começo? para que caçar? deixa os animais em paz, pois a unica coisa que a caça disponibiliza é um pouco de grana.

        Mas quem precisa de grana quando você poder pegar 20 ou mais de corpos? Esse ano, tivemos vários jogos, muitos deles decepcionaram muito, até agora, o jogo do ano em minha opinião, vai para Dishonored ou Max Payne 3, ambos foram os jogos mais divertidos nesse ano. Resident Evil 6 merece ganhar o premio de “A maior decepção do ano” hahahaha. Só falta eu jogar Hitman, para eu ter certeza disso.

    • 12 de novembro de 2012 às 10:28 -

      Henrique Gonçalves

    • Mas de todos os jogos que vc citou que colocou alguma fé foram bem recebidos pela critica (tirando FF XIII e RE6), Fallout New Vegas mesmo infestado de bugs ainda conseguiu uma recepção pela critica, porém o 3 é muito melhor que New Vegas. E Mass Effect é uma das trilogias que mais recebem elogios até hoje, seu final pode ser uma merda, mas isso não tirou os 9 e 10 que a critica deu para ele.

      E o povo pode amar Assassin’s Creed, mas se dar uma olhada no Metacritic o AC III esta na media de 8.5, mostrando que o jogo é divertido mas não é tudo que o pessoal esperou. E se você acha que a midia gostou do jogo, vc precisa de ler este artigo feito por Kirj Hamilton da Kotaku, que xinga o jogo e aponta todos os erros feitos pela Ubisoft:

      http://kotaku.com/5958941/how-has-assassins-creed-iii-disappointed-me-let-me-count-the-ways?tag=assassin.s-creed

  • 10 de novembro de 2012 às 00:59 -

    Renan do Prado

  • Pena que Medal of Honor esteja perdendo o enorme brilho que possui….. E eu acho uma pena que hoje em dia um FPS valha mais pelo Multiplayer do que pela campanha single player, acho isso MUITO errado, mas é o que vende…

  • 10 de novembro de 2012 às 19:24 -

    Rejanio Souza

  • nossa apesar das criticas adorei esse jogo multiplayer muito bom

  • 11 de novembro de 2012 às 22:44 -

    Mario Silva

  • eu curti muito este jogo que pena que e muito curto

  • 12 de novembro de 2012 às 01:43 -

    Isac Wallas

  • Tá na hora de fazer uma sobre Assassin’s Creed III !

  • 28 de maio de 2013 às 01:07 -

    Matheus Souza

  • curti em cara primeira vez que li e me impressionei !! parabens arkade…

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *