Rocket League vai se tornar free-to-play em breve para todas as plataformas

22 de julho de 2020
Autor: Vinicius Pimenta
Rocket League vai se tornar free-to-play em breve para todas as plataformas

Rocket League chegou aos seus cinco anos de vida. Para comemorar a ocasião com a comunidade, o game terá uma grande mudança: sairá da Steam, para se tornar um game gratuito na Epic Store. Os jogadores “antigos” do game terão novidades na transição.

Vale lembrar que a Epic Games comprou a Psyonix no ano passado. O que já dava indícios de que o game estaria disponível apenas em sua loja.

O game segue contando com “suporte total para futuras atualizações e recursos” para a Steam, o que é uma boa notícia para quem joga o game por lá. Tudo continuará como está: a compra de itens, o Rocket Pass ou os mapas que podem ser baixados. Mas o game não ficará mais disponível na Steam, assim que o game chegar na Epic Store. Só poderá ser usado por quem já possui o game na loja da Valve.

A Psyonix também está adicionando suporte para inventários e progressão entre plataformas. Se você vincular uma conta da Epic, isso virá junto com esta atualização. Os preços dos itens serão alterados, atendendo a uma nova realidade.

Veremos novidades além dessas. A Psyonix disse, em comunicado, que estão “refinando os menus principais para facilitar a exploração do jogo. Além disso, estamos reformulando e aprimorando os principais recursos, como torneios e desafios, e introduzindo a progressão entre plataformas”.

Rocket League vai se tornar free-to-play em breve para todas as plataformas
Fadded Cosmos Boost

Quem baixar o jogo antes do lançamento da versão gratuita terá alguns benefícios, como o status Legacy. Entre os benefícios a Pysonix oferecerá o Golden Cosmos Boost, o título de “Est. 20XX”, que mostra o ano que o usuário começou no game, Dieci-Oro Wheels, 200 itens comuns melhorados, todos pacotes DLC do jogo lançados antes da versão gratuita, Faded Cosmos Boost e Huntres Player Banner.

Assim como os torneios e desafios, que serão todos atualizados para a versão 100% gratuita.

(Via: The Verge)

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *