Synthicide: conheça o projeto de jogo que promete facilitar a vida de um mestre de RPG

5 de dezembro de 2014
Autor: Diana Cabral

Synthicide: conheça o projeto de jogo que promete facilitar a vida de um mestre de RPG

Que tal um projeto de game de mesa com a premissa de facilitar a vida de um RPG master? Então leia mais sobre a campanha de Synthicide no Kickstarter.

O jogo é de autoria da estadunidense Will Power Games, e se trata de um projeto no Kickstarter que envolve ambientação cyberpunk e três ferramentas rápidas para tornar a vida do mestre mais fácil, que são: NPC Generator, Trap Generator e Mission Generator.

As referidas ferramentas, respectivamente para geração de personagens (Non-Player Characters — personagens não jogáveis), armadilhas e missões, prometem reduzir o tempo necessário para a construção dos respectivos itens de jogo e impulsionar a improvisação, que é um dos pontos fortes do mestre de RPG e quando há mais chances de viajar na criatividade.

Além disso, o jogo conta com o já conhecido sistema baseado na ação com rolagem de dados, nesse caso, o de 10 faces. O sistema envolve ainda sete atributos dependentes do resultado estipulado pelo mestre, que influenciam a ação necessária ou pretendida pelo jogador, como velocidade, combate e influência.

Synthicide: conheça o projeto de jogo que promete facilitar a vida de um mestre de RPG

Em Synthicide, não há classes ou pontos de habilidade: com uma abordagem mais estratégica de seus atributos, seu personagem pode aprender qualquer coisa, sendo que você adquire conhecimentos, os quais dão poderes especiais de forma automática e dependem do atributo denominado “operação” (ou operacional), referente ao conhecimento técnico, que deve ser um dos mais importantes, tendo em vista a temática do game.

A premissa de Synthicide é a ênfase na inventividade, liberando mestres e jogadores de regras muito difíceis, material interminável e até limitações na personalidade dos personagens, o que às vezes prejudica a diversão imersiva na história e na interpretação.

A arte do jogo, com previsão para ser distribuído em PDF e em versão impressa, está sendo realizada por Mike Nashdesenhista inglês conhecido por criar personagens e ambientações fantásticas inspirados pela mitologia de Tolkien, George Lucas e George R. R. Martin. Aliás, o artista tem um canal no Youtube onde apresenta o passo a passo da concepção de seus desenhos.

Synthicide: conheça o projeto de jogo que promete facilitar a vida de um mestre de RPG

Ilustração de Mike Nash.

HISTÓRIA

Uma raça mutante chamada Prodigravus quase dizimou a humanidade, numa longa guerra que destruiu quase todos os planetas civilizados da galáxia. Após essa devastação, surgiu a Igreja Tharnaxist, um culto organizado por seres cibernéticos com o único objetivo de dominar as variadas tecnologias a fim de produzir criaturas sintéticas para controlar a sociedade.

Como resultado, o crime mais hediondo que pode ser cometido em qualquer planeta é Synthicide: matar um robô. Diante da decadência humana, relegada à barbárie, à extorsão e à dominação de gangues, melhor que sofrer sob o chicote da Igreja Tharnaxist, é ser um sharper, um agente independente e viajante da galáxia.

Synthicide: conheça o projeto de jogo que promete facilitar a vida de um mestre de RPG

Arte não finalizada das miniaturas.

O projeto tem até o final de dezembro para angariar recursos e, dependendo da grana despendida, o investidor pode ganhar um dado metalizado, no melhor estilo do jogo, e miniaturas exclusivas de 39 mm, xodó de mestres colecionadores.

Você joga RPG de mesa? O que achou da proposta de Synthicide? Se quiser dar uma forcinha para o projeto, faça sua contribuição no Kickstarter!

(Via: Kickstarter)

2 Respostas para “Synthicide: conheça o projeto de jogo que promete facilitar a vida de um mestre de RPG”

  • 7 de dezembro de 2014 às 19:07 -

    Victor Engel

  • Legal para quem está iniciando em RPG :D

  • 14 de dezembro de 2014 às 23:38 -

    Victor

  • Parece muito bom. Pena que os RPG’s de mesa estão quase acabando, sendo engolidos pelos MMORPG’s e os Action RPG’s.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *