Tribuna Arkade: A banda Iron Maiden está processando o game Ion Maiden

30 de maio de 2019
Autor: Renan do Prado

Tribuna Arkade: A banda Iron Maiden está processando o game Ion Maiden

Uma situação bem bizarra aconteceu com o game Ion Maiden, um FPS retrô lançado ano passado: A banda de heavy metal britânica Iron Maiden está processando a 3D Realms, detentora dos direitos do game, por conta de certas similaridades entre o game e a banda. E não é um processo pequeno não, tratam-se de 2 milhões de dólares!

O caso é o seguinte, a companhia que gerencia o Iron Maiden está processando a 3D Realms pelos seguintes motivos: “(…) O nome Ion Maiden é quase idêntico a marca registrada Iron Maiden em sua aparência [referindo-se ao logotipo do game], som e impressão comercial geral”. Esse trecho foi retirado do próprio documento de processo, que chama o game de “incrivelmente descarado” “uma imitação virtualmente idêntica”.

Aqui, um trailer de Ion Maiden

E a lista segue, outros motivos para o processo são que a protagonista do game, Shelly Harrison, não passa de uma cópia do nome de um dos fundadores da banda, o baixista e tecladista Steve Harris. E outro motivo,  é que o game é muitíssimo parecido com o game Legacy of the Beast, lançado para smartphones, apesar do game sendo processado ser um FPS e esse último um RPG.

Mas a real causa do processo, aparentemente é pela confusão de nomes entre os dois games, a companhia que gerencia a banda clama que o marketing, e o já mencionado logotipo confundem o público a acreditarem que a banda Iron Maiden está relacionada ao game, ou que o game é um produto “oficial” da banda e etc.

E aqui, um trailer de Iron Maiden: Legacy of the Beast

Assim, a banda está exigindo 2 milhões de dólares em compensação por danos, além de exigir que o site do game, www.ionmaiden.com, seja retirado do ar e sua URL seja entregue para a banda. É bastante coisa não é verdade? O processo contém uma extensa lista de motivos bem estranhos para o processo, sendo um deles o de fãs da banda, ao lerem artigos sobre o game, comentarem que “tudo o que falta é a trilha sonora de Iron Maiden”.

O que acontecerá no futuro, não sabemos, mas que a situação é bizarra, isso ela é. É difícil imaginar que muitas pessoas tenham realmente confundido o game com a banda de alguma forma real, e Easter Eggs do tipo, com nomes semelhantes, imagens e etc são bem comuns de serem vistos em diversos video games. Mas dessa vez, as “semelhanças são meras coincidências” podem custar 2 milhões para a 3D Realms! Agora só o tempo dirá qual será a conclusão dessa situação bizarra!

(Via: PC Gamer, Kotaku)

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *