WWE 2K Battlegrounds deixa o realismo de lado e trará visual cartunesco e exageros

30 de abril de 2020
Autor: Rodrigo Pscheidt
WWE 2K Battlegrounds deixa o realismo de lado e trará visual cartunesco e exageros

O ano de 2019 não foi bom para os fãs de WWE nos videogames. O jogo WWE 2K20 não foi bem recebido pelos fãs nem pela mídia especializada, e as críticas ao jogo foram pesadas.

A 2K então, decidiu que este ano, não teremos um 2K Battlegrounds: o jogo oficial de WWE deste ano será um jogo de pancadaria cartunesca com exageros e absurdos, chamado WWE 2K Battlegrounds, e tem o “queridão” Dwayne “The Rock” Johnson como um de seus garotos-propaganda.

O fato de não ter compromisso com a realidade permite que o jogo tome liberdades que a franquia tradicional não comportaria, como por exemplo, um ringue no meio de um pântano, onde o inimigo que for atirado para fora cai na boca de um imenso crocodilo!

Confira abaixo o teaser-trailer que apresenta o game:

Se você achou isso tudo meio familiar, você não está maluco: lá em 2017, tivemos um jogo de basquete chamado NBA Playgrounds, que fazia meio que a mesma coisa, mas com astros do basquete. Posteriormente, a 2K adquiriu a franquia, e a sequência ganhou o nome NBA 2K Playgrounds 2.

Ou seja, está nascendo uma nova franquia: “marca-famosa-2K-alguma-coisa-grounds”, que engloba jogos mais cartunescos e menos realistas.

Vamos ficar de olho: WWE 2K Battlegrounds deve ser lançado durante o outono estadunidense, com versões para PC e consoles.

(Via: DSOG)

3 Respostas para “WWE 2K Battlegrounds deixa o realismo de lado e trará visual cartunesco e exageros”

  • 30 de abril de 2020 às 11:39 -

    Nicola Venanci

  • Agora sim. Quanto mais os jogos se aproximam da realidade menos eu gosto, quanto mais se aproximam de uma simulação menos tenho vontade de jogar. Foi assim com Red Dead 2,um jogo lindo, mas que não tive saco pra jogar por causa das minúcias. Hoje em dia com a correria do trabalho e 3 filhos, prefiro mesmo uma experiência mais arcade.

    • 30 de abril de 2020 às 12:51 -

      Rodrigo Pscheidt

    • Tamo junto nessa, Nicola. Até hoje não consegui zerar RDR 2 pq ele é muito lento. Mas essa nem é minha única “frustração de gamer adulto”: te convido a ler um artigo que publiquei aqui no site sobre como é difícil arrumar tempo para se dedicar a jogos enooormes depois que a gente cresce.

      https://www.arkade.com.br/editorial-dificil-missao-zerar-jogos-muito-grandes/

      Valeu! ;)

      • 2 de maio de 2020 às 10:47 -

        Nicola Venanci

      • Opa, lendo agora, valeu!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *