BGS 2016: Nós assistimos a demo da E3 de Horizon: Zero Dawn ao vivo com algumas novidades

3 de setembro de 2016
Autor: Renan do Prado

BGS 2016: Nós assistimos a demo da E3 de Horizon: Zero Dawn ao vivo com algumas novidades

Também a portas fechadas, assistimos a um produtor de Horizon Zero Dawn jogando ao vivo a demo da E3 do game, mostrando um pouco mais sobre o gameplay e recursos do game.

A demo se inicia com um trailer do game, contando um pouco sobre a história de Aloy. Ela é uma garota que, quando ainda bebê, foi encontrada por uma das tribos humanas que vivem no novo mundo dominado por robôs. Por conta disso, ela sofre muito preconceito de todos, por não ser parte de nenhuma tribo e ter “vindo de lugar nenhum”. E assim, após crescida, Aloy parte em busca de sua própria origem, e da resposta a pergunta proibida por todos os povos: Por que a humanidade perdeu o mundo para as máquinas?

BGS 2016: Nós assistimos a demo da E3 de Horizon: Zero Dawn ao vivo com algumas novidades

E assim, a demo se inicia, com Aloy dentro de uma das várias vilas presentes no game. Onde ela pode interagir com diferentes personagens contando com opções de diálogos com certos personagens que podem influenciar o andamento do game. Ainda é possível interagir com outros personagens ou pontos de interesse para iniciar sidequests. Bem como comprar armas, equipamentos e itens.

O comércio de itens foi mostrado brevemente. O jogador pode comprar diferentes armas e equipamentos para Aloy, como estilingues, arcos, e roupas. As armas e equipamentos podem ainda ser modificados, dando novas habilidades a todos além, não limitando as roupas, por exemplo, a apenas recursos estéticos, mas infelizmente não pudemos conferir essas modificações.

BGS 2016: Nós assistimos a demo da E3 de Horizon: Zero Dawn ao vivo com algumas novidades

Aloy então aceita uma missão para ir até uma vila que há dias não mantém contato e investigar a área, chegando lá, ela descobre que a corrupção, uma espécie de “vírus” que infecta os robôs e os torna muito violentos, além de afetar o próprio ambiente, foi causada por um “demônio”. Para chegar a essa outra vila, que está num local distante, o produtor nos apresentou o recurso de hack.

Podemos hackear determinados robôs e utilizá-los a nosso favor. E assim, o produtor tornou um robô-búfalo em aliado, assim, podemo montar nele e cavalgar em alta velocidade. Os robôs do game, como explicado pelo produtor, se comportam de formas diferentes, de acordo com o ambiente onde se encontram, e vários deles possuem habilidades únicas que poderemos explorar. No meio do caminho, vimos um pouco do sistema de crafting. Matando robôs e coletando recursos naturais podemos fabricar várias coisas, desde novas flechas até bombas e armadilhas.

BGS 2016: Nós assistimos a demo da E3 de Horizon: Zero Dawn ao vivo com algumas novidades

E ao final da demo, conferimos a intensa batalha contra um imenso robô corrompido. Durante a batalha, podemos ainda chamar o robô-búfalo que hackeamos, montando nele e disparando flechas enquanto ele corre. Mas para o azar do produtor (e várias risadas do pessoal assistindo), a montaria foi morta pelo robô corrompido assim que chegou no local da batalha, obrigando o produtor a derrotar seu inimigo “na raça”, o que ele conseguiu com bastante estratégia!

Com isso, Horizon: Zero Dwan empolgou muito a todos que puderam conferi-lo na feira, tanto jogando no estande da Playstation, como com os que puderam assistir a demo fechada. Sem dúvida este é um dos games mais aguardados para no ano que vem! O game será lançado no dia 28 de fevereiro de 2017 exclusivamente para o Playstation 4.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *