EA passa a ter direito exclusivo sobre futuros games de Star Wars

7 de maio de 2013
Autor: Daniel Zimmermann

EA passa a ter direito exclusivo sobre futuros games de Star Wars

Em uma galáxia muito, muito distante, um camundongo e uma distribuidora polêmica assinam um documento e comemoram: a partir de agora, todos os jogos de Star Wars serão distribuídos exclusivamente pela Electronic Arts.

Os últimos meses têm sido bem movimentados para a maior saga de ficção científica: Ela foi comprada pela Disney, perdeu seu lendário estúdio Lucas Arts e terá uma nova trilogia dirigida por – quem diria – o mesmo cara que está fazendo os novos filmes de Star Trek.

E agora, mais uma: a Electronic Arts fechou um contrato multi-anual com a Disney lhe garantindo o direito exclusivo sobre todos os futuros games de Star Wars, como explica a distribuidora em nota à imprensa:

“Sob este acordo, a EA desenvolverá e publicará novos títulos de Star Wars para seu público principal, abrangendo todas as plataformas interativas e os mais populares gêneros de games, enquanto a Disney continuará detendo certos direitos de desenvolver novos títulos nas categorias de games para aparelhos móveis, sociais e online.”

A EA andou fazendo muita gente torcer o nariz ultimamente – ela tem explorado alguns jogos de um jeito que certos fãs não estão gostando (vide DRM em Sim City) e foi eleita a pior empresa do ano passado por consumidores dos Estados Unidos.

EA passa a ter direito exclusivo sobre futuros games de Star Wars

Arte de conceitual de Star Wars 1313, cancelado devido ao fim da Lucas Arts

Mas sejamos justos, a distribuidora já publicou ótimos games de ficção espacial: Dead Space, Mass Effect, e os clássicos System Shock 2 e Wing Commander fazem parte do currículo da EA, que atua na área há mais de 30 anos.

O melhor de tudo é que os consagrados estúdios Dice (série Battlefield), Visceral Games (série Dead Space) e Bioware (série Mass Effect e Star Wars: The Old Republic) foram os escalados para cuidar dos futuros jogos da série.

O próprio presidente da EA, Frank Gibeau, já anunciou que os novos títulos serão feitos no Frostbite 3 – o motor gráfico insano de Battlefield 3 – e explicou que esse passo é uma “promessa de qualidade” para os próximos games baseados na saga.

EA passa a ter direito exclusivo sobre futuros games de Star Wars

Star Wars: The Old Republic, o MMO da Bioware custou mais de US$ 200 milhões

Não seria nada mal ver um novo Star Wars: Battlefront rodando no motor gráfico de Battlefield 3, ou quem sabe até um survival horror baseado no universo da franquia… O leque destes estúdios é infinito para novos games – fazendo jus ao universo imenso da série, que já tem mais de 30 anos e não deve perder a força tão cedo.

Então, não estranhe da próxima vez que ver a famosa vinheta “EA Games…” ao invés do clássico e saudoso logotipo da Lucas Arts em um game de Star Wars. Até mesmo nas galáxias mais distantes, as coisas mudam.

(Via: Forbes, IGN, Edge)

16 Respostas para “EA passa a ter direito exclusivo sobre futuros games de Star Wars”

  • 7 de maio de 2013 às 16:07 -

    leandro leon belmont alves

  • isso vai dar em merda….ah vai….

    • 7 de maio de 2013 às 17:33 -

      Edimartin Martins

    • Podemos ver pelo lado bom.
      Poderá ter um novo “Star Wars Republic Commando” feito com a Frostbite 3.

  • 7 de maio de 2013 às 16:28 -

    Renan do Prado

  • Maldito imperador!!!!!

    Estou um pouco temeroso com essa nova parceria…. Com certeza virão coisas boas, mas….. Não quero games de Star Wars no facebook, nem DRM e muito menos microtransações!!!! Nem o Han Solo aceitaria trabalhar dessa maneira!!!!

  • 7 de maio de 2013 às 16:56 -

    Kubrick Stare Nun

  • É rapaz, tá dificil viu. Agora o jeito é chegar no patrão e pedir uma folga de uma semana por motivo de luto.

    Rest In Peace… Star Wars :'(

    • 7 de maio de 2013 às 17:23 -

      leandro leon belmont alves

    • Rest In Peace… Star Wars :’( (2)

    • 7 de maio de 2013 às 23:08 -

      Babiro

    • Res In Piece… Star Wars :’( (3), a cada dia vem uma notícia pior que a outra!!!

    • 7 de maio de 2013 às 23:10 -

      Babiro

    • Rest in Peace… Star Wars :'( (3)**

  • 7 de maio de 2013 às 17:12 -

    Arthur

  • Vamos ver o que vai dar disso tudo, pode vir coisa boa ou marmelada divida em pacotes de 25 reais cada. ate lá, que a força esteja conosco, para aguentar futuras bombas.

  • 7 de maio de 2013 às 20:04 -

    Tzar

  • Dando meio que um ctrl+C e ctrl+V num comentário que fiz em outro site.

    E aguarda para ver,a disney só tem feito m&rd@ e ainda contrata a EA que foi reeleita a pior empresa dos Estados Unidos da America.
    E inegável que a mesma vende bons títulos,mais vem deixado a desejar em alguns games a exemplo: Mass Effect 3 e SimCity 5,sem contar nos preços e o suporte.

  • 7 de maio de 2013 às 20:19 -

    Cabramacho

  • tsc, já podemos excluir possibilidade dos jogos virem dublados em pt-br, ou até mesmo sem legenda traduzida.
    Ainda tô pra engulir o Dead Space 3 não ter sido traduzido, pu@& que pa#%

  • 8 de maio de 2013 às 03:44 -

    Liu0738

  • Até a serie Star Wars foi para o “lado negro da força!”!!!!!!!!!!!KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    • 8 de maio de 2013 às 12:23 -

      Diana

    • O lado rato da força. ¬¬

  • 8 de maio de 2013 às 20:39 -

    Chinalia

  • Nunca gostei muito de Star Wars agora então com a EA Games acredito q vou gostar menos ainda, sem falar dos Bugs.

  • 11 de maio de 2013 às 12:07 -

    Shandy Crispim

  • Merda ? talvez não. EA sempre foi otima em todas categorias de jogos, de corrida ah fps. Sempre gostei de Star Wars, mas não curti muito os últimos. Acho que EA pode dar um upgrade bacana. So acho.

  • 13 de maio de 2013 às 02:00 -

    Dayan Valente

  • Acho que eles podem dar um bom upgrade nos jogos da série. Só deixarem longe do DRM… eles já aprenderam a lição depois de SimCity…

    E não vamos julgar um erro depois de tantas coisas boas que eles publicaram como os jogos listados na notícia… Vem coisa boa aí!

  • 14 de maio de 2013 às 23:10 -

    Gabriel Cincinato

  • A EA é uma ótima empresa quando vem a relação de produzir os jogos, mas do jeito que ela é mercenária é chato pra caralho também

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *