Sound Test Arkade Faixa 18 – As rádios de Grand Theft Auto

28 de agosto de 2016
Autor: Junior Candido

Sound Test Arkade Faixa 18 - As rádios de Grand Theft Auto

Os jogos da franquia GTA oferecem muitas possibilidades de gameplay, mas nada como relaxar enquanto “dirige” ao som de boa música, não é mesmo? Pois a Sound Test de hoje vai relembrar das rádios e das músicas que rolaram em todos os jogos da franquia desde o game de 2001, com playlist feita pelo leitor.

E como sempre, antes de começar, por favor, coloque os fones de ouvido e vem com a gente:

Aproveite e siga-nos no Spotify, acessando este link. Temos boas playlists para você curtir.

Sintonizando…

GTA, como todos sabem, nasceu no Playstation original e desde então, um caminhão de polêmicas foi derrubado no universo gamer. Mas entre tiroteios entre gangues, missões obscuras e fugas da polícia, algo interessante chamava a atenção dos jogadores: a possibilidade de ouvir rádios e música enquanto se dirige pelas ruas da cidade. Era possível ouvir sete rádios, mais a da polícia, na versão para PC, enquanto o Playstation só contava com duas. E assim a série se manteve em sua chamada “era clássica”.

Mas era a época do CD, e isso significava que o jogo deixava que você abrisse o drive do PC ou console e colocasse o seu disco preferido para ouvir durante a ação. Isso também significava que as músicas e todo o conteúdo para games passava por uma revolução, com o espaço dos CDs (e mais tarde, DVDs), permitindo músicas tocadas, e também, licenciadas. FIFA 98 e Tony Hawk já eram bons exemplos de como a música licenciada ajudava a promover jogos e artistas, em uma parceria que hoje é comum e natural em videogames.

Flashback FM 95.6

Sound Test Arkade Faixa 18 - As rádios de Grand Theft Auto

Mas foi em 2001, com o lançamento de GTA III, que a revolução musical começou de fato. Claro, o jogo como um todo é uma revolução, e entre as infinitas possibilidades que o game oferecia, como o roubo de carros, o mini-game de taxi, a possibilidade de ser “um policial” ou “um bombeiro”, estavam lá oito estações de rádio, tocando músicas a todo momento, mais a rádio comunitária, em que vários assuntos do momento eram discutidos e “duas estações” extras: a de MP3, para PCs, que deixava que o jogador colocasse sua biblioteca pessoal de músicas no jogo, ou a CD Changer para Xbox, que permitia que um CD de música fosse colocado no drive durante a jogatina.

As rádios do game, além de contarem com gêneros próprios, também tinham muita personalidade, com locutores e comerciais dando ainda mais identidade a cada uma delas. A Head Radio era a rádio contemporânea, focando no Pop Rock; já a Double Clef FM era a casa da música clássica, permitindo ao jogador cometer atrocidades ao som de “La donna è mobile”; os fãs de reggae eram bem servidos com a K-Jah, enquanto os que curtem trance podiam ovir a Rise FM. O gênero pop da época, estava na Lips 106, e a Game FM oferecia o melhor do hip hop. A MSX FM tocava drum’n bass, enquanto a Flashback 95.6 trazia o som dos anos 80 para a ação. O legal da Flashback é que é a rádio é praticamente um easter egg, já que todas as suas músicas são da trilha sonora de Scarface, o lendário filme estrelado por Al Pacino em 1983 e que em muito inspirou esta nova fase de GTA, sendo ainda mais reverenciado em Vice City.

Todas estas rádios marcaram muito o game. Cada jogador tinha a sua estação preferida e o conceito foi um sucesso, fazendo com que a franquia caminhasse de maneira definitiva neste formato.

As músicas dos anos 80 e 90

Sound Test Arkade Faixa 18 - As rádios de Grand Theft Auto

E após o sucesso de GTA III, em 2002 tivemos um impacto ainda maior com GTA: Vice City. O game conseguia pegar o que o antecessor tinha de bom e oferecer mais e melhores possibilidades, no melhor clima anos 80 possível. Como já mencionado, Scarface é a fonte principal do jogo, com inúmeras referências e easter eggs espalhados pela cidade. E claro, a música também fez muita diferença.

Ao começar o jogo, já entramos no clima oitentista com Broken Wings, do Mr. Mister, embalando a chegada de Tommy Vercetti na cidade do vício. Mas ao entrar no primeiro carro do jogo e ouvir o Billie Jean de Michael Jackson, aí que o carimbo que nos garante a visita aos anos do neon é fixado de vez. As rádios mostram momentos importantes da década, como a ascenção da música pop e do rap, o auge do new wave e a força do hard rock.

E em 2005, a consagração definitiva chegou, atendendo por apenas duas letras: CJ. GTA: San Andreas é praticamente um milagre tecnológico, se considerarmos o Playstation 2 e as possibilidades que o game oferecia. Saem os coqueiros e os neons, para dar lugar a disputa de gangues e as comunidades da periferia de Los Santos. E o jogo sabiamente reproduz esta época, apresentando 2Pac, Ice Cub, Dr. Dre e Cypress Hill como carros-chefe da Rádio Los Santos.

Mas o que impressiona em San Andreas é a variedade ainda maior de conteúdo: temos rádio country, de rock clássico, de soul, de disco e muito mais. Muitos dizem que este é o game que melhor reproduziu até hoje o conceito de rádios no jogo, pela variedade e qualidade das faixas. E também é digno de nota o trabalho nos spin-offs da série, como em Vice City e Liberty City Stories.

Do passado ao presente

Sound Test Arkade Faixa 18 - As rádios de Grand Theft Auto

2008 marcou uma nova era para a franquia. Era chegada a era do HD, das TVs maiores e cidades mais detalhadas. E a pulsante Liberty City foi a escolhida para GTA IV, o jogo mais “sério” da franquia, e que na opinião de muitos, conta com as estações mais sem sal da franquia. O espírito do jogo era outro, o protagonista também. Saem as grandes epopéias e entra um tal de Niko Bellic, em sua história introspectiva em busca de vingança.

Mesmo assim, 16 rádios oferecem variedade para o jogo, com direito a uma rádio de Hardcore e Punk, outra latina e até uma rádio com música russa, a Vladivostok FM. Destaque para os Smashing Pumpkins, Black Sabbath e Elton John.

Até que finalmente chegamos ao ano de 2013, ano de chegada de GTA V. A busca pela imersão perfeita veio com três protagonistas, smartphones, assaltos orquestrados e muito mais. Na parte sonora, 17 estações, 15 delas dedicadas às músicas, tocavam 240 faixas. Por ser uma jogo contemporâneo e mais “leve” do que seu antecessor, a Rockstar não se preocupou muito com a música como imersão de seu universo. Nada de rap, nem música russa, nem trilhas oitentistas: GTA V oferece música, apenas música. E isso é muito bom, encaixando perfeitamente com o espírito do game.

Sintonize sua rádio favorita

Sound Test Arkade Faixa 18 - As rádios de Grand Theft Auto

Qual é a sua música preferida em GTA? E a rádio? Muitas rádios e muitas músicas fizeram parte da história desta que é uma das maiores franquias dos games, e com certeza você tem a sua preferida. Seja pelas lembranças de dez anos atrás ou pelo prazer de se jogar o jogo mais atual da série, sempre terá uma canção que valerá a pena durante as missões insanas do game.

Por isso, fique a vontade para sugerir mais. Esta playlist foi montada em conjunto com os leitores no Arkade Gamer Club. O nosso espaço para leitores está de portas abertas para a sua participação e sugestão, é só acessar este link e chegar junto. Você também pode sugerir sua música, pois GTA tem muita música maneira para ser lembrada nesta lista. Aproveite e siga-nos no Spotify neste link, que já conta com playlists bacanas e teremos mais novidades em breve.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *