De 6º para 3º com pneus de chuva em pista quase seca: Como é a primeira seletiva da F1 Esports Series

15 de abril de 2018
Autor: Junior Candido

De 6º para 3º com pneus de chuva em pista quase seca: Como é a primeira seletiva da F1 Esports Series

A Fórmula 1 anunciou recentemente como será a sua segunda temporada da F1 Esports Series, com a participação direta das equipes, que escolherão os melhores para correr o mundial virtual. E, para os que aspiram um lugar entre os melhores do automobilismo virtual, as seletivas já começaram, com o primeiro desafio já disponível para pontuação.

Os melhores pilotos serão selecionados através de cenários, previamente estabelecidos pelo jogo, e que, baseado no desempenho do jogador, o colocará num ranking, valorizado por desempenho, estilo de pilotagem e o mínimo — ou nenhuma — assistência utilizada. Jogadores de todos os estilos podem participar, e o desafio é totalmente customizável, para se ajustar ao nível de experiência de cada um, mas é claro, que os jogadores que correm sem nenhum apoio de direção, câmbio manual, e contra carros com IA no máximo de dificuldade, pontuam mais.

De 6º para 3º com pneus de chuva em pista quase seca: Como é a primeira seletiva da F1 Esports Series

Os dez melhores correrão entre si, por três vagas no Draft.

O desafio é simples: você corre na China, com Valteri Bottas, em sua Mercedes, e começa em sexto lugar, precisando chegar em terceiro, no mínimo, com pneus de chuva em uma pista que vai secando com o passar do tempo. Antes de começar a prova, é possível, primeiro, ajustar questões como a IA dos carros, o tipo de assistência na direção que deseja, e a câmera que preferir. Após isso, você já é inserido na pista, e poderá também escolher o ajuste do carro, configurando a seu gosto. Aí, então, é a prova propriamente dita.

Na volta 52 (de 56), você já começa com o rádio avisando que, emboraa pista esteja secando, a equipe sugere que continue com os pneus verdes — intermediários, utilizados em situação de chuva — até o fim da prova. Isso vai exigir do piloto uma boa atenção, já que “meio termo” na Fórmula 1 nunca foi um bom negócio. Conforme as voltas finais vão chegando, o spray causado pela água vão diminuindo, te obrigando a se adaptar neste ambiente, para alcançar os menores tempos, e alcançar, se possível, até a vitória.

Ao final de tudo, um placar soma o sucesso do desafio (chegar em terceiro), mais elementos opcionais, mas que te jogam ainda mais pro alto no ranking: volta mais rápida, volta limpa (sem punições ou acidentes), corrida limpa (sem punições), o não uso de assistentes de direção, te colocando na sua posição do ranking geral. É possível tentar quantas vezes quiser, até o final do evento. A corrida “começa” com o quinto colocado colado em você, podendo até ultrapassá-lo na primeira curva, e o quarto e terceiros o aguardam praticamente juntos mais para a frente. Lewis Hamilton, o líder, inicia a corrida com mais de 30 segundos de vantagem, e só os melhores conseguem alcançá-lo.

Após este período, os dez melhores do ranking correrão juntos na pista de Xangai, em 50% de duração de uma prova normal, com os três primeiros se garantindo no Draft. O evento será transmitido, e após a China, as próximas etapas serão no Azerbaijão, na pista da Catalunha, na Espanha, e finalmente, em Mônaco.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *