Análise Arkade: Charrua Soccer e a volta do futebol divertido em 8-bits

21 de fevereiro de 2020
Autor: Junior Candido
Análise Arkade: Charrua Soccer e a volta do futebol divertido em 8-bits

Quando falamos em games de futebol do passado, é claro que a primeira coisa que vem em nossa memória são dois clássicos: FIFA Soccer e International Superstar Soccer. Mas, antes destes sucessos dos 16-bits, games do esporte bretão em 8-bits também divertiam, apesar da simplicidade, nos gráficos e no gameplay.

Nintendo World Cup, World Soccer, Tecmo Cup, e tantos outros, divertiam por oferecer um futebol que, se não ofereciam realismo, traziam um espírito de pebolim, com partidas rápidas e o toma lá dá cá entre os jogadores. Inclusive, eram ótimos para serem jogados nos famosos “contras”.

Trazendo esse espírito de volta, o estúdio uruguaio Batovi trouxe, para o Apple Arcade, o Charrua Soccer. Charrua é o nome de uma tribo indígena que vivia nos Pampas, que envolve o Uruguai, a Argentina, e o sul do Brasil. Apesar do nome “bairrista”, a proposta do game é a mesma de qualquer game de futebol dos anos 80.

Análise Arkade: Charrua Soccer e a volta do futebol divertido em 8-bits
Depois dos gols, olho no replay!

Trata-se de um game de futebol simples, que reúne times de todo o mundo, em um torneio, ou partidas simples. O destaque vai para as três “seleções Charruas”: Brasil, Uruguai e Argentina. Mas todos os times tradicionais do futebol estão lá, com as suas características. O visual, bem simples, mas caprichado, remete aos games em 8-bits, mas poligonal. Seria algo como um “encontro” entre Virtua Striker e Tecmo Cup.

Veja só o visual e gameplay, em uma partida completa do game:

São apenas três modos de jogo: Amistoso, Torneio e Pênaltis. Times escolhidos, o game te coloca em diferentes estádios para jogar, cada um com sua identidade própria. Não há inspiração direta em grandes arenas, e sim, em “campos de futebol pelo mundo”. Indo, desde um grande estádio, até um campo de futebol na periferia, com as casas em volta servindo de “arquibancada”.

E, independente do jeito de jogar, temos um gameplay simples, mas extremamente viciante. É um dos poucos games para smartphone que, de fato, dispensam o uso de um controle, apesar de Charrua Soccer aceitá-los. No direcional na tela, é andar com o personagem que ele corre sozinho, ajudando ao gameplay “de pebolim” falado anteriormente. São apenas dois botões: um que passa/cruza e troca de jogador, e outro que chuta/dá carrinho.

Análise Arkade: Charrua Soccer e a volta do futebol divertido em 8-bits

Os botões assumem funções diferentes se só apertados, ou segurados. Quanto mais se segura, maior a força. E, chutando a gol, é importante saber a medida certa do chute. Lembrando também que é preciso mirar no gol, pois o chute vai para onde você apontar. Para tomar a bola, é na base do carrinho, mas entendendo o jeito certo de fazer isso, para acertar a bola e não o adversário.

E, nos pênaltis, uma maneira legal de cobrá-los. Você aperta o botão de chute para ativar a corrida do jogador e, durante esta corrida do jogador pra bola, você regula a força e direção do chute. Mais simples do que parece, é um jeito muito legal de se cobrar os penais.

Análise Arkade: Charrua Soccer e a volta do futebol divertido em 8-bits
Um jeito simples e criativo de se cobrar pênaltis

Temos, assim, um game extremamente divertido. Uma opção para quem gosta de jogos de futebol, mas que quer apenas uma diversão casual, sem as complexidades técnicas e de jogatina de um jogo de futebol moderno, incluindo suas versões móveis. A Batovi já tem experiência no ramo, pois é dela o também divertido Pixel Cup Soccer. E, conseguiu oferecer um jogo extremamente divertido, e que se encaixa bem para aquela “jogadinha rápida” entre um tempo de lazer ou outro.

Charrua Soccer é um game exclusivo de Apple Arcade. Uma vez assinante do serviço, é possível jogar o game no iPhone, iPad, Mac e Apple TV. O serviço custa R$ 9,90 por mês, ou R$ 99,00 por ano, e oferece um mês grátis.

Uma resposta para “Análise Arkade: Charrua Soccer e a volta do futebol divertido em 8-bits”

  • 21 de fevereiro de 2020 às 21:54 -

    Helinux

  • Muito bom!!!! Valeu!!!!

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *