Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

14 de maio de 2019
Autor: Rodrigo Pscheidt

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Sniper Elite é a principal franquia do currículo da Rebellion, logo, é natural que ela tenha interesse em manter a série em alta. A empresa anunciou um punhado de novidades recentemente, e uma delas está chegando às prateleiras hoje: Sniper Elite V2 Remastered.

De volta à Segunda Guerra

Originalmente lançado para os consoles da geração passada em 2012, Sniper Elite V2 é o segundo episódio da saga do atirador de elite Karl Fairburne. Livremente inspirada na Operação Paperclip, a campanha dele envolve capturar ou eliminar um punhado de cientistas que estão envolvidos com a produção do míssil balístico V-2, recrutando-os para os aliados.

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Vale ressaltar que esta versão remasterizada traz todo o conteúdo previamente lançado para o jogo via DLC, o que inclui outros personagens selecionáveis e, claro, uma missão extra onde nosso objetivo é eliminar o próprio Fürher. Na prática, é um pacote completo.

Distribuindo tiros certeiros

A série Sniper Elite evoluiu um bocado de 2012 para cá, mas os elementos que a tornaram famosa já estavam presentes aqui: Karl é extremamente vulnerável em combate direto, de modo que a melhor forma de avançar é com cautela, esgueirando-se para pegar os inimigos desprevenidos e, obviamente, valendo-se dos tiros de precisão à longa distância.

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Headshots em 4K são bem legais

Anos antes dos “X-Ray Attacks” de Mortal Kombat, a série Sniper Elite introduziu os tiros em câmera lenta que nos permitiam ver a bala perfurando ossos e órgãos. Isso já estava presente aqui, e ver as cabeças dos nazistas estourando em câmera lenta ainda é um prazer.

A dificuldade escolhida pelo jogador afeta toda a balística a coisa — coisas como vento e gravidade passam a interferir na precisão dos seus disparos –, e aqui não tem essa de silenciador: você precisa aproveitar a “cobertura” provida por sons ambientes (explosões, motores, etc.) para garantir que seus tiros não serão ouvidos. Nessa hora, segure a respiração (na vida real e no jogo), alinhe sua mira e puxe o gatilho.

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Ele nem vai saber daonde veio o tiro :D

É uma abordagem tática que torna o jogo muito menos frenético que os “jogos de guerra” tradicionais, valorizando a paciência e o planejamento do jogador. Seu arsenal ainda conta com bombas presas em arames e minas terrestres, itens que lhe dão mais possibilidades de atrair inimigos e agir de modo stealth. Quando tudo falhar, você sempre pode recorrer a granadas, pistolas e metralhadoras — ainda que essa claramente não seja a abordagem ideal.

A campanha pode ser jogada tanto em modo solo quanto em cooperativo online com mais um jogador, algo que não pude experimentar ainda, mas estou ansioso, pois o coop foi uma das melhores partes da minha experiência com o episódio mais recente da franquia.

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Também há multiplayer competitivo, que traz tanto modalidades tradicionais — tipo Deathmatch — quanto modelos que só funcionam neste tipo de jogo, com destaque para o Distance King, onde ganha quem acertar o tiro mais longo. Confesso que não encontrei partidas online para experimentar, mas o jogo está saindo hoje, então isso deve melhorar nos próximos dias.

No geral a experiência de jogar Sniper Elite V2 Remastered funciona, mas o tempo todo eu ficava com a impressão de que já joguei algo melhor — no caso, Sniper Elite 4. Não é como a série Uncharted, que evoluiu em escopo mas manteve seu gameplay meio que o mesmo. Aqui, houve uma evolução considerável, e rejogar um jogo de 2012 nos dias atuais escancara esta evolução — que ocorreu em termos de mecânicas, game design, etc.

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Então, ao mesmo tempo que o jogo visualmente está muito melhor (mais sobre isso abaixo), a experiência em si parece datada. É ótimo ver como a série evoluiu e expandiu seus horizontes, mas essas melhorias que foram feitas de um jogo para outro acabam deixando um jogo antigo “menos empolgante” hoje em dia.

Tipo, como um todo ele não é ruim, mas eu sei que a própria série Sniper Elite já me entregou coisa melhor, saca? Jogá-lo (e avaliá-lo) com a bagagem de 2019 acaba não sendo muito justo, pois ele sem dúvida era bem mais legal em 2012.

Um remaster feito com esmero

De maneira nenhuma esta versão remasterizada de Sniper Elite V2 consegue esconder sua idade. Porém, a Rebellion investiu tempo e dedicação em aprimorar aspectos técnicos do jogo que deixam seu visual mais atraente.

O visual agora alcança os 4K em plataformas compatíveis, mas o maior upgrade está na iluminação: efeitos modernos de iluminação volumétrica, fogo, fumaça e explosões deixam o visual como um todo mais bonito, e a ambientação mais cinematográfica.

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Efeitos de iluminação como esses não existiam na geração passada

Os modelos de personagens, roupas e armas também receberam notáveis melhorias e, embora umas texturas feias e bordas serrilhadas ainda sejam visíveis, no geral o jogo faz um bom trabalho em se atualizar para a geração atual.

O som do jogo também foi remasterizado, e chega excelente, claro e cristalino — e o som é um aspecto especialmente importante por estar diretamente atrelado ao gameplay. Infelizmente, perdeu-se a chance de localizar o game para novos idiomas: tal qual um jogo de 2012, ele traz áudio, menus e legendas somente em inglês — lembrando que Sniper Elite 4 foi até dublado em português.

Conclusão

Sniper Elite V2 Remastered era um jogo bastante diferenciado em 2012, mas de lá para cá a própria série evoluiu, então esta segunda iteração parece um tanto datada, especialmente se comparada ao quarto jogo, muito mais expansivo e interessante.

Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada

Isso não quer dizer que o jogo não tenha seu público: os fãs da série — ou mesmo quem conheceu a franquia na geração atual, mas quer experimentar os primórdios da série — sem dúvida vão gostar de revisitar o game, e os upgrades visuais que ele recebeu trazem um frescor muito bem-vindo à experiência.

Se você se enquadra em alguns dos grupos acima — ou simplesmente está a fim de dar uns tiros em nazistas paa ver suas cabeças explodindo em câmera lenta (com direito a Photo Mode!) — Sniper Elite V2 Remastered pode ser uma boa pedida.

Sniper Elite V2 Remastered está sendo lançado hoje, com versões para PC, Playstation 4 (versão analisada) , Xbox One e Nintendo Switch.

Uma resposta para “Análise Arkade: Sniper Elite V2 Remastered é uma atualização justa, mas datada”

  • 17 de maio de 2019 às 20:11 -

    Paulo

  • V2 ainda é o mais carismático da série. O 4 pode ser mais fluído, mas de você estiver com preguiça de baixar 50gb, V2 é o canal.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *