Daymare 1998: conheça o game que promete trazer de volta o horror dos anos 90

15 de setembro de 2016
Autor: Pedro Henrique Pinto Albuquerque

Daymare 1998: conheça o game que promete trazer de volta o horror dos anos 90

A equipe que estava fazendo Resident Evil 2 Reborn, volta a cena com um novo game de horror com a mesma pegada do clássico da Capcom! Conheça agora o promissor Daymare 1998!

Resident Evil 2 Reborn, foi um projeto que chamou bastante atenção na internet há algum tempo. Foi em parte pelo sucesso dele que a Capcom acabou anunciando um remake oficial do clássico de 1998. Agora a Invader Studios — que era o grupo que estava desenvolvendo o remake não oficial –, anunciou um novo jogo que bebe bastante da fonte de Resident Evil.

Daymare: 1998, tem a pretensão de “ressuscitar” o terror dos anos 90. Isso é claro desde o nome, que tem “1998” no título, ano especial para quem jogou Resident Evil 2. E não é só no ano que a referência para, pois o designer de criaturas de Resident Evil: Code Veronica Resident Evil 0, Satoshi Nakai, também contribuiu com a parte artística do jogo.

Confira abaixo o primeiro trailer deste game promissor:

Como dá para ver no trailer, ele é bastante inspirado em Resident Evil 2, principalmente na questão de ambientação — que lembra bastante a querida e assustadora Raccon City –, mas aposta na “câmera no ombro” que foi popularizada por Resident Evil 4.

Dá para perceber que o jogo ainda está em fase inicial de desenvolvimento, mas ele sem dúvida tem potencial. Só resta esperar pelo game, pois o mesmo ainda não tem data de lançamento anunciada. Só sabemos que ele está sendo feito na Unreal Engine 4 e que, até o momento, está confirmado somente para PCs.

(Via: PC Gamer)

Uma resposta para “Daymare 1998: conheça o game que promete trazer de volta o horror dos anos 90”

  • 1 de janeiro de 2018 às 17:12 -

    ivan

  • oi tudo max olha eu gostaria de esperimentar a beta desse jogo no pc ,se vc puder me ajudar e passar para eu ficarei muito grato obrigado ivan

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *