Análise Arkade – Life is Strange 2 Ep. 4 – Faith: Uma grande evolução narrativa

28 de agosto de 2019
Autor: Renan do Prado
Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

Life is Strange 2 chegou em seu penúltimo episódio, se aproximando cada vez mais do destino final dos irmãos Sean e Daniel, em fuga pela costa oeste dos Estados Unidos após a morte de seu pai no início do primeiro episódio. Começando com um primeiro episódio acelerado, um segundo episódio decepcionante e um terceiro episódio que dividiu toda a narrativa, é hora de entrarmos nas estradas do quarto episódio.

Como estamos fazendo uma análise de um game episódico, não mais abordaremos temas como gráficos, trilha sonora e gameplay, mas poderão surgir menções desses quesitos em certos trechos da análise. O foco será na história que o game entrega, obviamente sem spoilers (ou ao menos tentando evitá-los ao máximo). Dito isso, é hora de saber como o quarto episódio, Faith, se saiu!

Uma completa mudança estrutural na narrativa

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

Life is Strange 2 é a história dos irmãos Sean e Daniel, que estão em fuga pelos Estados Unidos após Daniel despertar seus estranhos poderes ao testemunhar a morte injusta de seu pai. A narrativa do game seguiu-se então focada no desenvolvimento de Daniel. O jogador, controlando Sean, foi incumbido da tarefa de tomar decisões que afetarão o pequeno Daniel, definindo a pessoa que ele se tornará no fim da aventura.

O caminho não foi nada fácil. E não falo do enredo e das situações que os irmãos passaram, mas sim da forma que a Dontnod construiu a relação dos irmãos em relação as escolhas do jogador. O game não estava apresentando um desenvolvimento consistente, pois em certos momentos não adiantava nada o jogador tomar todas as melhores decisões para enriquecer a relação entre os dois irmãos, pois na cutscene seguinte Daniel faria algo errado e Sean perderia completamente a cabeça com ele.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

Isso não acontece no quarto episódio do game, Faith, pois dessa vez há uma fundamental diferença estrutural para os episódios anteriores: Daniel não está presente. Ou melhor dizendo, ele não está presente na maior parte da narrativa. E curiosamente isso deu uma guinada muito positiva no enredo do episódio.

Faith se passa dois meses após o episódio 3 – Wastelands. Sean ficou em coma por mais de um mês e ficou cego do olho esquerdo devido aos eventos no final do episódio anterior, e Daniel desapareceu. O irmão mais velho então, internado em um hospital e a espera de seu julgamento, acaba recebendo uma pista do paradeiro de seu irmão e foge de seu leito para resgatar o pequeno Daniel.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

O episódio leva Sean para o condado de Heaven Point, uma pequena comunidade formada por moradores ultra religiosos que idolatram Daniel como um messias milagroso. Porém, os líderes dessa igreja escondem perigosos segredos, que colocam o próprio Daniel em perigo, e Sean deve libertá-lo o quanto antes.

Um episódio focado na evolução de Sean

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

Sean até então era um personagem de “dois lados”. De um lado, ele tenta a todo custo proteger seu irmão Daniel, mesmo que muitas vezes isso signifique ter que ser repreensivo com ele. E sua relação com seu irmão acaba sendo construída pelas escolhas do jogador.

Por outro lado, ele ainda é um adolescente que dadas as circunstâncias precisou se tornar um adulto muito rápido. Por isso, muito de sua apresentação até agora consistia nessa dualidade, o que em minha opinião tornava o personagem inconsistente. Ele precisa proteger Daniel, mas também quer viver sua própria vida. Mas esse não é o problema.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

Como já mencionei antes, um problema nos episódios anteriores do game era que não importava as decisões que o jogador tomava para se aproximar de Daniel, a relação dos dois irmãos acabaria ferida de qualquer forma em uma nova cutscene que praticamente desconsiderava tais escolhas. O jogador é incumbido de construir a personalidade de Sean com suas escolhas, mas eventos scriptados desconsideravam essa construção. Felizmente isso não acontece aqui.

Em Faith, a situação evoluiu a um ponto muito delicado para os irmãos, em que não há distrações para a narrativa, ou melhor dizendo, não há elementos externos que conflitam com as escolhas do jogador.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

Sem entrar em spoilers, mas esse episódio apresenta um novo e importantíssimo personagem para a narrativa, e a interação de Sean com esse novo personagem leva em conta de forma satisfatória as opções de diálogo que o jogador escolher. Não acontece como no episódio passado: Você se conecta com o personagem para na cutscene seguinte nada disso ser levado em conta. Nesse episódio sim suas escolhas tem peso, seja se aproximar ou não do personagem.

Uma coisa a se notar é que esse episódio contém alguns pequenos subenredos que contém momentos de decisões importantes (indicadas pela tela se dividindo em duas apresentando as opções). Esses subenredos em geral acabam não tendo importância direta para para a história de Sean e Daniel, e são mais focados em questões delicadas, como racismo e homofobia.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

São cenas que, apesar de poderosas, acabam no fim passando a sensação de serem meros “fillers” para o episódio. O resultado desses subenredos são mencionados posteriormente, mas não passam disso, pequenas menções. O episódio final provavelmente levantará essas questões apresentadas com mais força, e espero que de uma forma relevante para a narrativa completa, para que esses assuntos fluam de forma natural no fim da viagem de Sean e Daniel.

Conclusão

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 4 - Faith: Uma grande evolução narrativa

Faith entrega uma história muito satisfatória e a ausência de Daniel acabou não comprometendo com a narrativa, mas sim serviu para definir a personalidade e o objetivo de Sean, um adolescente forçado a ser adulto que até então enfrentava muitos problemas com o caminho que ele próprio escolheu.

Esse penúltimo episódio adiciona uma muito necessária força para ambos os irmãos seguirem adiante, principalmente agora que a jornada está perto do fim. Esse episódio também evidenciou algo que já era nítido, o foco de Life is Strange 2 não é Daniel e seus superpoderes, é a sobrevivência e convivência dos irmãos enquanto fogem de suas antigas vidas. Resta saber se o episódio final trará um desfecho satisfatório para essa aventura (É claro, baseado nas decisões do jogador).

O quarto episódio: Faith já está disponível para PC, Playstation 4 Xbox One. E o episódio final de Life is Strange 2 chega no dia 3 de dezembro.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *