Análise Arkade – Life is Strange 2 Ep. 5 – Wolves: O emocionante fim da jornada

9 de dezembro de 2019
Autor: Renan do Prado
Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

Life is Strange 2 enfim chegou ao fim. A longa jornada dos irmãos Sean e Daniel encontra seu desfecho no episódio final do game: Wolves, atingindo seu clímax após sua difícil evolução. Com um primeiro episódio muito acelerado, um segundo episódio decepcionante, um terceiro que virou tudo de cabeça pra baixo e um quarto que enfim trouxe uma necessária evolução narrativa.

Como estamos fazendo uma análise de um game episódico, não mais abordaremos temas como gráficos, trilha sonora e gameplay, mas poderão surgir menções desses quesitos em certos trechos da análise. O foco será na história que o game entrega, obviamente sem spoilers (ou ao menos tentando evitá-los ao máximo). E enfim chegou a hora de sabermos como o quinto episódio se saiu!

O fim da estrada

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

Após o intenso reencontro entre Sean e Daniel em Faith, enfim acompanhamos os irmãos em um momento de paz antes da última caminhada até seu destino, a fronteira entre os Estados Unidos e o México.

O episódio final tem um passo mais tranquilo, de certa forma amarrando as pontas e relacionamentos construídos entre os dois irmãos e o mundo a seu redor, tendo durante toda a sua duração um clima forte de despedida. Pois os irmãos estão prontos para se despedir daqueles com quem viveram por quase dois meses após o final do quarto episódio, incluindo a mãe dos dois, Karen.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

Nesse episódio final a relação entre os dois irmãos enfim é um relacionamento real, que foi construído e que agora encontra a maturidade, no momento em que os irmãos dão de frente com decisões muito importantes que não são mais unilaterais, pois levam em conta o todo.

O episódio final pareceu um tanto curto para uma sequência final, claro que isso depende de como cada um o joga, mas ainda assim foi bastante “linear” de certa forma. Não que isso seja uma crítica negativa, mas apenas uma sensação de que quando terminou, foi um tanto rápido. Mas isso não significa que não foi carregado de emoções.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

“Emoção” é a palavra que melhor define Wolves, pois Sean e Daniel precisam lidar, além da travessia, com todos os sentimentos envolvidos nisso: Dar adeus a amigos que conheceram há pouco tempo mas que realmente amam, dar adeus a Karen, a mãe dos dois, de uma forma fria ou emocionante dependendo das decisões do jogador. E acima de tudo isso, eles precisam lidar com as consequências de toda a jornada: Atravessar ou não a fronteira para o México.

A verdadeira evolução de Daniel

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

O principal objetivo de Life is Strange 2 é guiar o pequeno Daniel nessa viagem cheia de dor e descobertas. É tomar decisões que moldarão sua personalidade no final do game, e até o episódio 4, isso era algo que parecia não estar acontecendo.

Em minhas análises dos primeiros 3 episódios, eu menciono como o game parece oferecer escolhas sem peso, pois não importava se eu tentasse ser o melhor exemplo para Daniel, pois na cutscene seguinte os irmãos brigariam de forma sem sentido em algum evento scriptado. A impressão que o game foi passando era a de que minhas decisões eram menos importantes do que a história que a DONTNOD queria contar, o que é algo que vai contra o próprio conceito de Life is Strange ser um game baseado em decisões.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

Mas felizmente no episódio final fica nítido que as escolhas do jogador realmente tiveram impacto na história. Ao final de cada episódio de Life is Strange, os games da série apresentam gráficos sobre quais foram as escolhas de todos os jogadores ao redor do mundo, mostrando o que aconteceria se você tivesse tomado uma decisão diferente da que você tomou.

E nesse momento o game mostra como a forma com a qual você criou Daniel afetara o final de sua jornada, como ele poderia reagir a cada cena do episódio final e ainda se ele seria uma pessoa boa ou ruim no fim de tudo. Em minha jogatina, consegui criar Daniel de uma forma positiva, fazendo com que ele terminasse a jornada sendo uma boa pessoa.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

Apesar disso, o game não tem um “final feliz”, afinal toda a jornada foi construída sobre dor e perda. Sean e Daniel perderam muito a cada passo que deram, perderam coisas insubstituíveis: Relações, locais, pessoas. O final do game se torna então um conjunto de consequências para as ações dos irmãos.

E assim como nos episódios passados, Wolves também aborda questões sociais atuais. E como o episódio se passa na fronteira entre Estados Unidos e México, o game debate sobre o muro que separa os dois países, bem como xenofobia e a terrível vida daqueles que tentam fazer a travessia ilegalmente.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

O game ainda explora de forma muito interessante conceitos como liberdade, regras e felicidade. Transmitindo uma mensagem mais clara e poderosa ao vermos as peças das decisões tomadas se encaixando no final, além é claro graças a presença dos novos personagens, que apesar de vermos brevemente, deixam um grande impacto, em especial um certo personagem do primeiro Life is Strange que faz um inesperado retorno. Quem é esse personagem? Responder isso seria um spoiler, mas sua presença é um dos pontos altos do episódio.

Conclusão

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

Life is Strange 2 começou de uma forma bem conturbada. E pessoalmente tive muita dificuldade em me adaptar ao game, em sentir empatia pelos seus personagens e até mesmo me envolver com sua história. Foi apenas no episódio 4 que enfim senti que o game estava entregando o que prometia e o episódio final foi um belíssimo encerramento para uma trágica história.

Porém, essas foram as minhas impressões sobre a história contada em Life is Strange 2, muitas outras pessoas tiveram reações completamente diferentes das minhas e bem, não há certo ou errado quando se trata de como cada um se sente ao consumir uma obra.

Análise Arkade - Life is Strange 2 Ep. 5 - Wolves: O emocionante fim da jornada

No entanto, esse game se iniciou de uma forma que parecia não saber a onde queria chegar, ou que história queria contar. Principalmente quando muitas decisões que deveriam ser importantes parecerem não ter peso algum, graças a eventos scriptados que ignoravam tudo o que eu havia feito.

Porém o final do game me prendeu de verdade e enfim me fez me sentir como quando joguei o primeiro Life is Strange e acompanhei a história de Max e Chloe. E isso era aquilo que o game, como uma sequência, tinha a obrigação “implícita” de alcançar.

E assim, nos despedimos de Sean e Daniel Diaz, os irmãos lobo em sua jornada para o sul, em busca de uma nova vida.

Life is Strange 2 já está com todos os seus episódios disponíveis. Você pode jogar o game no PC, Playstation 4 e Xbox One.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *