Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

12 de janeiro de 2020
Autor: Gilson Peres
Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Em 2019 tivemos alguns excelentes títulos para a realidade virtual. Já no final do ano, tivemos um título singular que trouxe uma variedade de jogabilidade bem interessante ao PlayStation VR. Stardust Odyssey é um dos dez jogos da nossa lista “para ficar de olho” e cá estamos analisando-o.

Desenvolvido pelo Agharta Studio, Stardust Odyssey é uma aventura de pirata-espacial que possui ótimos toques de fantasia. Mesclando tecnologia e magia, o game se diferencia principalmente pelos seus controles e ambientação peculiar, com toques árabes bem marcados.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Tentando resolver o problema

O enredo de Stardust Odyssey nos coloca na pele de um pirata espacial que recebe um contrato para roubar um item especial de uma caravana. Entretanto, este item na verdade era um artefato que dava poderes inimagináveis para o seu contratante, que passa a ameaçar toda a existência.

Assim, devido a nossa habilidade ímpar em se infiltrar em caravanas espaciais e roupar itens (além de ser nossa culpa toda essa bagunça na existência) somos convocados para resolver o problema. É dessa forma que o jogo realmente se inicia.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

O enredo de Stardust Odyssey não é um dos seus pontos mais favoráveis, mas serve bem ao seu propósito. Afinal, o foco da jogatina aqui não é na narrativa ou em apreciar uma história estupenda. Na verdade, isso tudo é mais um pano de fundo para experimentarmos a jogabilidade instintiva e imersiva que nossa nave pirata possui.

Pilotando, atirando e roubando

Com a jogabilidade em foco, Stardust Odyssey não deixa a desejar. Praticamente toda a jogatina acontece no cockpit de nossa nave, onde as coisas ficam realmente interessantes. Isso porque temos uma configuração de controles bem diferente do que normalmente vemos em outros jogos com temática semelhante.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Aqui, unindo itens de magia e de tecnologia, temos controle e alcance nos comandos da nave bem diferenciados. Podemos controlar sua movimentação com uma das mãos enquanto selecionamos uma magia com a outra. Além disso, podemos também roubar itens de outras naves ou então levantar nossos escudos. Tudo é bem simples de ser feito, mas não é por isso que é também fácil.

A adequação aos controles do jogos acontece de forma bem rápida e instintiva. Entretanto, Stardust Odyssey é muito competente em acrescentar desafios crescentes à nossa habilidade de pilotar, roubar e atirar com nossa nave. A fórmula secreta de jogabilidade simples e desafiadora é muito bem executada aqui.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Magias para todos os gostos

A variedade de upgrades, magias e habilidades que temos em Stardust Odyssey é interessante. Não temos uma “biblioteca” muito extensa de opções, mas a variedade existente já agrada bastante. Nas magias, temos várias opções que fazem a jogatina ficar bem diversificada. Por fim, o desafio fica justamente em como combinar tais habilidades da forma mais proveitosa para o seu estilo de jogo.

Não é exagero dizer que, neste quesito, Stardust Odyssey conseguiu ser mais eficiente do que Wands. Pois os efeitos e usos das mais diferentes habilidades é muito bem pensado. Neste ponto, os comandos que eram simples e instintivos passam a ser desafiadores. Isso porque precisamos administrar diversos comandos ao mesmo tempo.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Mas não se enganem, a jogatina ao longo das dez fases do jogo é bem divertida. Além disso, sua duração, mesmo não sendo tão longa, não incomoda também. Isso porque ainda temos a opção de jogar cooperativamente em dupla, o que torna a experiência de jogo ainda mais divertida.

Uma explosão de cores

Outro aspecto que chama bastante atenção em Stardust Odyssey é o seu visual. Muito bem polido para o PlayStation VR, o jogo é muito colorido e vivo. Essa intensidade de cores, por incrível que pareça, é bem confortável aos olhos e não nos deixa cansado rapidamente.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Entretanto, é importante ressaltar que algumas pessoas podem ter problemas com enjoos de movimento. A famosa cinetose pode ser sentida por alguns, já que temos uma movimentação livre para cima, baixo, traz, lados e frente. Porém, existem alguns recursos dentro do jogo para diminuir um pouco essa sensação incômoda, caso seja necessário.

No mais, a estética de Stardust Odyssey é incrivelmente original. Uma mescla de magia e tecnologia com toda uma roupagem árabe fantasiosa por traz. A discrepância entre alguns elementos do jogo o deixam ainda mais divertido. Por exemplo, somos piratas espaciais, mas nossa base é uma tenda sob a areia de algum deserto. Alguns detalhes como este fazem o jogo ser bem cativante na maior parte do tempo.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Stardust Odyssey é uma divertida jornada linear

Stardust Odyssey é muito divertido e desafiador. Uma pedida certa para aqueles que procuram uma experiência diferente na realidade virtual. Entretanto, uma última crítica ao título diz respeito a sua linearidade. São dez fases divididas entre faróis nos quais precisamos explorar caravanas, roubar itens e enfrentar inimigos. Porém, tudo isso é feito literalmente em linha reta.

Arkade VR: Stardust Odyssey tem criatividade e desafio na medida certa

Temos corredores nos quais as caravanas seguem e o máximo que fazemos é avançar aos poucos para enfrentar mais inimigos e depois avançar mais. Essa linearidade não é incômoda nas primeiras horas de jogo, mas pode ser sentida lá para a metade da jogatina. Porém, mesmo com este problema de ritmo linear demais, o jogo continua com um saldo positivo no fim das contas.

Por toda a sua estética diferenciada, controles únicos e habilidades criativas, Stardust Odyssey merece ser experimentado. Ainda contamos com legendas totalmente em português e um áudio em inglês muito bem construído, que não deixa nada a desejar.

Stardust Odyssey foi lançado no dia 3 de Dezembro de 2019 com exclusividade para o PlayStation VR.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *