Fim da linha: Sony confirmou a descontinuação do PS Vita no Japão

4 de março de 2019
Autor: Junior Candido

Fim da linha: Sony confirmou a descontinuação do PS Vita no Japão

Após um “processo de morte” lento e feito por várias etapas, o Playstation Vita está, oficialmente, descontinuado, no Japão. A Sony deixou claro que encerrou a produção de seus dois últimos modelos do portátil em sua página de suporte do PS Vita (em japonês).

O PS Vita, como todo mundo ligado ao videogame sabe, chegou em 2011. Com a proposta de continuar o legado do PSP, portátil de estreia da Sony, e que fez bastante sucesso, o Vita chegou com suporte a todos os games de seu antecessor (em caráter digital). Além disso, aprimorou a PSN, trouxe melhorias no Remote Play, permitindo jogar Playstation 4 no dispositivo. E trazia a promessa de bons games, como um Uncharted exclusivo, além de versões interessantes de games de console.

Porém, o aparelho nunca foi um sucesso em vendas. Com apenas 16.1 milhões de unidades, muito abaixo do PSP, e principalmente, dos consoles da Nintendo (o DS e o 3DS), o console sofreu em seus anos de vida. Um de seus problemas iniciais estava em seu cartão de memória. O cartão, exclusivo (hoje já há adaptadores que aceitam cartões microSD), era caro e com tamanho limitado.

Além disso, o aparelho encarou uma migração da jogatina portátil para os smartphones, que estavam ficando cada vez mais avançados, e com games que atraiam, de certa forma, jogadores casuais e até gamers hardcore, como a série Infinity Blade. O preço dos jogos, que nas lojas de smartphones chegavam a casa dos centavos (sem mencionar os gratuitos), e a variedade deles também pesou contra o projeto da Sony.

Um bom lar para os Indies, apesar de tudo

Isso fez com que, em 2015, a Sony jogasse a toalha, e parasse de desenvolver games para o portátil. A partir daí, o PS Vita, mesmo sendo fabricado e vendido, demonstrava sinais claros de abandono, por parte da Sony. Em maio de 2018, foi anunciado o fim da produção de games físicos, em cartões. E, em setembro, o fim das produções, confirmados nesta semana.

Mas o PS Vita também conta com suas qualidades, e ofereceu, assim, um legado interessante para os videogames. Foi no portátil que diversos Indies trouxeram games de qualidade. Como alguns bons exemplos, podemos mencionar 99 Vidas – O Jogo, Yomawari – Night Alone, Unepic, e Olli Olli. Não há planos por parte da Sony de desenvolver um novo console portátil.

Deixar um comentário (ver regras)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *